Messier 82

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Messier 82
Messier 82, Telescópio Espacial Hubble
Descoberto por Johann Elert Bode
Data de descoberta 31 de Dezembrode 1774
Dados observacionais (J2000)
Constelação Ursa Major
Tipo I0[1]
Asc. reta 09h 55m 52.2s[1]
Declinação +69° 40′ 47″[1]
Distância 11,5 ± 0,8 Mal (3,5 ± 0,3 Mpc[2] )
Redshift 203 ± 4 km/s[1]
Magnit. apar. 8.41[3] [4]
Dimensões 11′,2 × 4′,3[1]
Outras denominações
Messier 82, NGC 3034, UGC 5322, Arp 337, PGC 28655, 3C 231[1]
Mapa
Messier 82
Ursa major constellation map.png

Messier 82 (NGC 3034) é uma galáxia irregular localizada a cerca de doze milhões de anos-luz (aproximadamente 3,679 megaparsecs) de distância na direção da constelação de Ursa Maior. Possui uma magnitude aparente de 8,6, uma declinação de +69º 40' 43" e uma ascensão reta de 09 horas, 55 minutos e 50,7 segundos.

A galáxia NGC 3034 foi descoberta em 1774 pelo astrônomo alemão Johann Elert Bode.

Descoberta e visualização[editar | editar código-fonte]

A galáxia espiral foi a primeira das quatro descobertas originais de Johann Elert Bode, que descobriu na mesma ocasião Messier 81 em 31 de dezembro de 1774. Bode descreveu-a como uma "mancha nebulosa bastante alongada e muito tênue", cerca de 0,75 graus de distância aparente de M81. Incluiu como o seu décimo oitavo objeto de sua lista. O astrônomo francês Pierre Méchain redescobriu independentemente ambas as galáxias em agosto de 1779, sendo catalogado pelo seu colega de observatório, Charles Messier, em 9 de fevereiro de 1781.[5]

É um dos poucos objetos de Messier que também foram catalogados por William Herschel, ganhando a designação H IV.79, baseado em sua observação de 230 de setembro de 1802. William Parsons foi o primeiro a perceber as manchas e linhas escuras visíveis na parte central da galáxia.[5]

Características[editar | editar código-fonte]

Forma um par fisicamente ligado com a galáxia de Bode (M81), fazendo parte de seu grupo de galáxias. Seu plano galáctico foi profundamente alterado devido a um choque recente (em termos astronômicos) com a galáxia de Bode, que está apenas 150 000 anos-luz da galáxia. Seu núcleo galáctico também sofreu profundas alterações com o encontro, que é agora local de intensa formação estelar, mostrando também linhas escuras de matéria interestelar. Também é uma grande fonte de rádio, descoberta por Henbury Brown em 1953, chamada de Ursa Major A e listada como a entrada 3C 231 no Terceiro Catálogo de Cambridge de Fontes de Rádio.[5]

É a galáxia mais brilhante no infravermelho no céu noturno: emite mais radiação infravermelha do que radiação visível, fato que ocorre também nas galáxias Messier 51, NGC 5195 e NGC 5128. Existem pelo menos 100 aglomerados globulares jovens na galáxia, formados pela interação com M81, ocorrida entre 50 a 100 milhões de anos atrás.[5]

Foram descobertas três supernovas na galáxia: SN 2004am, descoberta após ter atingido sua magnitude aparente máxima em imagens obtidas no observatório Lick em 21 de novembro de 2003; SN 2008iz, descoberta por Andreas Brunthaler em 24 de março de 2008, visível apenas em observações em rádio, não sendo detectado na faixa visível; e uma possível supernova vista em junho de 2009, também apenas com observações em rádio.[5]

Recentemente, foi descoberta uma supernova que explodiu que foi nomeada de SN2014J.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c d e f NASA/IPAC Extragalactic Database. Results for NGC 3034. Página visitada em 2006-10-27.
  2. Karachentsev, I. D.; Kashibadze, O. G.. (2006). "Masses of the local group and of the M81 group estimated from distortions in the local velocity field". Astrophysics 49 (1): 3–18. DOI:10.1007/s10511-006-0002-6. Bibcode2006Ap.....49....3K.
  3. SIMBAD-M82. SIMBAD Astronomical Database. Página visitada em 2009-11-29.
  4. Armando, Gil de Paz; Boissier; Madore; Seibert; Boselli; et al.. (2007). "The GALEX Ultraviolet Atlas of Nearby Galaxies". Astrophysical Journal Supplement 173 (2): 185–255. DOI:10.1086/516636. Bibcode2007ApJS..173..185G.
  5. a b c d e Hartmut Frommert e Christine Kronberg (21 de agosto de 2007). Messier Object 82 (em inglês). SEDS. Página visitada em 29 de maio de 2012.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui multimídias sobre Messier 82
Science.jpg    NGC 3032  •  NGC 3033  •  NGC 3034  •  NGC 3035  •  NGC 3036