Michael Barne

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Michael Barne
Nascimento 15 de Outubro de 1877
Sotterley, Suffolk, Inglaterra
Morte 31 de Maio de 1961 (83 anos)
Nacionalidade Britânica
Ocupação Médico e explorador

Michael Barne (15 de Outubro de 1877 – 31 de Maio de 1961)[1] foi um oficial da Expedição Discovery (1901-04) e o seu último sobrevivente.[2]

Primeiros anos de vida[editar | editar código-fonte]

Barne nasceu em Sotterley Park, Suffolk, filho de Frederick Barne e de sua esposa Lady Constance Adelaide Seymour, filha de Francis Seymour, 5.º Marquês de Hertford. O seu pai era membro do parlamento pelo círculo eleitoral de East Suffolk.[3] [4] [5] Foi educado na Stubbington House School[6] como preparação para a Marinha, onde entrou ao serviço como guarda-marinha em 1893.[7] Em 1898, recebeu uma comissão como oficial a bordo do HMS Porcupine.[8]

Expedição "Discovery"[editar | editar código-fonte]

Em 1901, foi escolhido por Scott para segundo-tenente da expedição.[9] Apesar de ter sofrido de queimaduras provocadas pelo gelo,[10] Barne escreveu vários apontamentos[11] ao longo dos seus três anos na expedição,[12] sobre as condições gerias da expedição bem como das suas áreas de especialização(magnetómetro e leitura de profundidades). Scott salientou a sua capacidade de manter em calma em situações de potencial tensão.[13] A enseada de Barne,[14] um acidente geográfico de 27 km no lado ocidental da Plataforma de gelo Ross que ele descobriu[15] tem o seu nome. Recebei a Medalha Polar pelo seu contributo na expedição.[16]

Carreira pós-Antárctida[editar | editar código-fonte]

Quando regressou da Antárctida, Barne casou,[10] e regressou ao serviço activo ao comando do Coquette,[17] mas continuou a corresponder-se com Scott sobre formas de transporte[nota 1] em expedições futuras. Durante a Primeira Guerra Mundial, foi distinguido com a Ordem de Serviços Distintos[5] enquanto comandava o Monitor M27,[18] e retirou-se em 1919 no posto de capitão. Durante a Segunda Guerra Mundial, Barne voltou ao activo, ao comando de um navio de patrulha anti.submarino.[12]

Notas

  1. Barne tinha a certeza de que um trenó motorizado podia ser utilizado: ver Bibliografia

Referências

  1. Known informally as Mik
  2. Heroic Age of Antarctic exploration Polar Record (19 de Março de 2001, Cambridge, Scott Polar Research Institute, 19 de Março de 2001, vol. 38, Nº 204, pág. 69
  3. Peerage.com
  4. Now an SSSI
  5. a b Description of his love of country pursuits, Obituary, The Times, Monday, Jun 05, 1961; pg. 24; Issue 55099; col D
  6. Detalhes da escola
  7. Janus
  8. HMS Porcupine
  9. 3 Selecção dos oficiais de marinha
  10. a b História da Antárctida
  11. Ver Bibliografia
  12. a b Material arquivado
  13. Fiennes,2003
  14. Latitude 80°15′S (−80.25°) Longitude 160°15′E (160.25°)
  15. com o sub-tenente George F.A. Mulock
  16. Notable Antarcticans
  17. Detalhes do Coquette
  18. História da Classe

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Barne,M. Need for Continuity in the Conduct of Antarctic Discovery The Geographical Journal, Vol. 27, No. 2 (Feb., 1906), p. 206 doi:10.2307/1776683
  • Barne,M The National Antarctic Expedition The Geographical Journal, Vol. 18, No. 3 (Sep., 1901), pp. 275–279 doi:10.2307/1775133
  • Barne, M MS 366 1902-03: Papers relating to Discovery Expedition GB/NNAF/P160000 (Former ISAAR ref: GB/NNAF/P1579) 1982 Cambridge University: Scott Polar Research Institute
  • Fiennes, R Scott (Coronet,London,2003) ISBN 0-340-82699-1
  • Headland R.K.Journal of Polar Studies (1985) volume 2 part 1 p357-359 SPRI Antarctic Chronology, unpublished corrected revision of Chronological list of Antarctic expeditions and related historical events, (1 December 2001) Cambridge University Press (1989) ISBN 0-521-30903-4
  • Holland, C. Manuscripts in the Scott Polar Research Institute, Cambridge, England - a catalogue. (Garland Publishing New York and London 1982) ISBN 0-8240-9394-1.
  • Stonehouse,B (Ed) Encyclopaedia of Antarctica and the Southern Oceans, John Wiley & Sons, Chichester (2002) ISBN 0-471-98665-8