Michael Jackson's Ghosts

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde dezembro de 2009).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde dezembro de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Michael Jackson's Ghosts
 Estados Unidos
1997 • 39:31 min 
Direção Stan Winston
Produção Michael Jackson
Stan Winston
David Nicksay
Roteiro Michael Jackson
Stephen King
Elenco Michael Jackson
Género média-metragem
Idioma inglês
Música Michael Jackson
Nicholas Pike
Lançamento 9 de maio de 1997

Michael Jackson's Ghosts é um filme de média-metragem de Michael Jackson, cujo roteiro foi escrito pelo mestre de terror Stephen King e por Michael Jackson. Dirigido por Stan Winston, com dicas de Steven Spielberg, Ghosts possui 39 minutos.

O projeto iniciou-se em 1993 e só foi concluído em 1996.

A primeira exibição de Ghosts remonta a 24 de outubro de 1996. Nesse dia, a MJJ Productions, empresa de Jackson, organizou uma exibição VIP exclusiva para a Academia de Cinema de Beverly Hills. Depois disso, o filme começou a ser exibido antes do filme Thinner, de Stephen King - co-roteirista de Ghosts -, em uma dezena de salas de cinema nos Estados Unidos.

Essas exibições especiais, na ocasião da festa do Halloween, duraram uma semana, entre 25 a 31 de outubro de 1996. A versão de Ghosts que algumas centenas de americanos conheceram nessa época é diferente da comercializada posteriormente.

As músicas "Ghosts" e "Is It Scary", presentes no álbum Blood on the Dance Floor - HIStory in the Mix, não estão na versão original do filme. Elas ocuparam o lugar de um remix de "2 Bad" que acompanhava as seqüências de dança. A divulgação do álbum, lançado em maio de 1997, fez com que essas mudanças fossem feitas.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

O Maestro (Michael Jackson) vive sozinho em uma mansão de aparência assustadora no topo de uma colina, com vista para a cidade de "Normal Valley" (Vila Normal). Ocasionalmente, ele entretém as crianças locais com truques de mágica assustadores. Uma das crianças diz a sua mãe, que alerta o prefeito da cidade (também interpretado por Michael), que por sua vez organiza o povo para ir para a mansão do Maestro e forçá-lo a sair da cidade. Alguns deles mostram relutância em fazê-lo, mas são pressionados a aderir ao Prefeito em sua cruzada. Em uma noite de tempestade vão para a mansão do Maestro (que, em vez de um endereço de numerada, são os destinatários "algum outro lugar") segurando tochas. Quando chegam em frente a mansão, eles olham pelo portão, e veêm uma mansão mal assombrada, ficam em dúvidas sobre como entrar. As crianças garantem aos pais que o Maestro fez nada de errado, e pedem que o deixem em paz. Mas as declarações Prefeito: "Ele é um esquisitão. Não há lugar para malucos nesta cidade!"

O portão se abre, os habitantes da cidade entram assustados, e fazem seu caminho para a porta da frente, que também se abre por si só. O interior da mansão lhes parece ainda mais assustador do que fora, e os pais falam para os seus filhos (e eles mesmos) "que não existem coisa como fantasmas". Entrando na casa, e uma vez que todos eles estão dentro, a porta se fecha. Mais duas grandes portas se abrem revelando um grande salão de dança escura, com um piso que lembra o chão da capa do disco Blood On The Dance Floor. Hesitante, o povo faz seu caminho para o salão de dança, onde são recebidos pelo Maestro que faz uma entrada assustadora e ainda cômico. O prefeito resolve confrontá-lo, chamando o Maestro de "estranho", "esquisito", "aberração", e dizendo que ele não é bem-vindo em sua cidade. O Maestro defende-se, e em resposta o Presidente da Câmara ameaça "Você vai sair, ou vou ter que machucá-lo?" (As pessoas da cidade não parecem ser tão contundente na sua posição, mas não oferecem uma reclamação).

Para isso, o Maestro responde: "Você está tentando me assustar? Eu acho que não tenho escolha, vou ter que te assustar." Ele então faz uma série de caretas, que o prefeito chama de "ridículo" e fala que não é "engraçado". Numa mudança de tom, o Maestro pergunta: "É assustador?" e puxa o rosto para os lados antes de puxar o rosto para baixo e esticar a boca. Então, ele continua a esticar o rosto mais, finalmente tira o seu rosto para revelar seu crânio e rindo loucamente. O povo fica apavorado e tenta escapar, mas o Maestro fecha as portas com seus poderes, em seguida, esmaga-lhe o crânio com os punhos, revelando a cabeça normal.

Em seguida o Maestro lembra o prefeito, "E por falar nisso, eu disse que eu não estava sozinho? Conheça minha família." Maestro e apresenta sua "família" de fantasmas que, juntamente com o Maestro, começam a executar uma rotina de dança complexa (a música original composta por Michael e Teddy Riley), que alternadamente impressiona e assusta as pessoas. Durante esta sequência, os atos do Maestro incluem rasgando suas roupas fora para revelar um corpo esquelético, ele ainda possui o corpo do prefeito e o faz dançar contra a própria vontade, logo depois o prefeito transforma-se numa criatura feia e demôniaca, enquanto olha-se no espelho comenta: "Quem é o louco agora? O cara doente, doente de circo?". O prefeito consegue expulsar o Maestro de dentro dele, e depois de terminar o seu desempenho, o Maestro pergunta: "Você ainda quer que eu vá?". Enquanto o povo responde "não", o prefeito diz com veemência: "Sim!". O Maestro calmamente concorda, dizendo: "Tudo bem ... eu vou." Ele faz um reverência e depois cai, quebrando as mãos e o rosto no chão, logo o rosto e o corpo começa a desintegrar-se violentamente em pó no chão, que é levada pelo vento. As pessoas da cidade estão tristes por isso, e um pouco triste de vê-lo ir. O prefeito acha que no entanto saiu vitorioso e se dirige para a porta dizendo: "Eu mostrei a ele." Quando ele abre a porta, ele encontra um rosto de aparência monstruosa, que diz: "OLÁ", o prefeito foge assustado.

Os habitantes da cidade, em seguida, voltam para a porta da frente agora aberta, e se surpreendem ao ver o Maestro lá, rindo. Ele pergunta se todos se divertiram. Eles imaginam que ele não é tão ruim e fazem as pazes com ele. A história termina com uma das crianças a perguntar com um olhar cruel sobre o seu rosto, "É assustador?", Ele segura a parte inferior do rosto, a câmera se move para uma imagem longe da mansão enquanto gritos aterrorizantes são ouvidos.

Durante os créditos é revelado através de bastidores que Jackson não só interpretou o Maestro, mas também coreografou a dança, o prefeito e vários monstros no filme, explicando a dança do prefeito no final. É fácil perceber que a história é uma sátira da vida reclusa de Jackson, as acusações feitas pelos pais das crianças e seu jeito incompreendido de ser.

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ator Papel
Michael Jackson Maestro/Prefeito/Esqueleto
Pat Dade Pat
Rey-Phillip Santos Ghoul Dancer
Heather Ehlers Heather
Kendall Cunningham Kendall
Mos Def Dante
Shawnette Heard Shawnette
Edwina Moore Edwina
Loren Randolph Loren

Recordes[editar | editar código-fonte]

Ver támbem[editar | editar código-fonte]