Curtis Axel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Michael McGillicutty)
Ir para: navegação, pesquisa
Curtis Axel
Axel como Campeão Intercontinental em 2013.
Nome(s)
no ringue
Joe Hennig[1]
Michael McGillicutty[2]
Curtis Axel[3]
Altura 1.91 m[4]
Peso 102 kg[4]
Nascimento 1 de Outubro de 1979  (35 anos)[5]
Champlin, Minnesota
Anunciado de Champlin, Minnesota[4]
Treinado por Curt Hennig[1]
Brock Lesnar
Brad Rheingans
Harley Race[1]
Estreia 13 de julho de 2007[1]

Joseph Curtis "Joe" Hennig[1] (Champlin, 1 de outubro de 1979)[5] é um lutador de wrestling profissional estadunidense que atualmente trabalha para a WWE, no programa Raw sob o nome de Curtis Axel. Hennig lutou no território de desenvolvimento da companhia, Florida Championship Wrestling (FCW). Ele foi o segundo colocado na segunda temporada do WWE NXT.[2] Ele é filho do WWE Hall of Famer, "Mr. Perfect" Curt Hennig.

Carreira[editar | editar código-fonte]

World League Wrestling (2007–2008)[editar | editar código-fonte]

Hennig fez sua estréia profissional em 13 de julho de 2007, em Waterloo, Iowa para Liga Mundial de Wrestling (WLW), fazendo parceria com Ted DiBiase, Jr. para derrotar Dinn T. Moore e Branden Tatum por desqualificação. Hennig foi mais tarde em uma de nove meses de vitórias consecutivas no WLW antes de sofrer a perda de seus primeiros singles de "Wild" Wade Chism.

World Wrestling Entertainment / WWE (2010-presente)[editar | editar código-fonte]

Florida Championship Wrestling (2007–2010)[editar | editar código-fonte]

Hennig como FCW Florida Tag Team Champions em 2010.

Em 31 de março de 2007, Hennig, juntamente com sua mãe, irmãos, e seu avô representou o seu pai "Mr. Perfect". Curt Hennig em 2007, a WWE Hall of Fame cerimônia ao aceitar o prêmio em seu nome. Em 26 de outubro de 2007, no episódio da SmackDown, Hennig equipa com Steve Fender em uma perda de Jesse e Festus.

Hennig assinou um contrato com a WWE e foi atribuído ao seu território de desenvolvimento Florida Championship Wrestling (FCW). Em 11 de setembro de 2008, Hennig e Slater derrotou Sebastian Nic Nemeth e Gavin Spears para ganhar a FCW Florida Tag Team Championship, em Tampa, Flórida. Em 30 de outubro, Hennig e Slater perdeu o Tag Team Championship para The New Hart Foundation (David Hart Smith e TJ Wilson).

Em 20 de novembro, Hennig desafiou Sheamus O'Shaunessy para a FCW Florida Heavyweight Championship, mas terminou com uma dupla foi desqualificada. A revanche foi feito, mas Hennig foi novamente desclassificado. Hennig teve outra chance de ganhar o título em 11 de dezembro, quando participou num Fatal Four-Way Match para o campeonato, mas Eric Escobar ganhou a partida eo título. Hennig derrotado Escobar em 26 de fevereiro em uma gravação de TV e ganhou o FCW Florida Heavyweight Championship. Sobre a 5 de abril de 2009 episódio da FCW, foi anunciado que Hennig tinha sofrido uma lesão grave e, portanto, ele entregou sua FCW Florida Heavyweight Championship.

Ele voltou a FCW no final de junho. Ele formou uma tag team com Brett DiBiase conhecido como Os Filhos Felizes. Em 14 de janeiro de 2010, Os Filhos Fortunato ganhou a FCW Florida Tag Team Championship ao derrotar a Dudebusters.

NXT & The Nexus (2010-2011)[editar | editar código-fonte]

McGillicutty enquanto parte do Nexus no final de 2010.

Henning fez parte da segunda temporada do NXT, usando o Ring name "Michael McGillicutty", com Kofi Kingston como seu pro. [4] Ele fez sua estréia no NXT no episódio de 08 de Junho, mas não competiu.[6] Ele fez sua estréia no ring na edição seguinte do NXT , em parceria com Kofi Kingston em uma Tag team match, onde derrotaram Mark Henry e Lucky Cannon. [7] Na primeira votação em 29 de Junho, McGillicutty ficou em terceiro lugar atrás de Kaval e Percy Watson.[8] Em 20 de julho episódio da NXT , McGillicutty ganhou imunidade da eliminação na próxima votação, completando um percurso de obstáculos no menor tempo.[9] [10] No episódio seguinte do NXT , ele se transferiu para o primeiro lugar na segunda pesquisa.[11] Depois de seis vitórias consecutivas, McGillicutty sofreu sua primeira derrota em 03 de Agosto no NXT , quando foi derrotado pelo pro The Miz.[12] Em 9 de agosto, os rookies apareceram em uma Six-Man Tag team match no Raw , em que McGillicutty fez parceria com Husky Harris e Alex Riley para derrotar Lucky Cannon, Kaval e Percy Watson.[13] Na noite seguinte, no NXT , sua equipe perdeu uma revanche quando McGillicutty foi pinado por Kaval. Na próxima pesquisa mais tarde naquela noite, McGillicutty abandonou o primeiro lugar ficando para trás para Kaval, caindo para o segundo lugar.[14] No final da temporada, em 31 de agosto McGillicutty terminou a competição em segundo lugar, sendo derrotado por Kaval. No final do show, McGillicutty virou heel ao atacar Kaval com os outros rookies eliminados.[15]

McGillicutty como parte do The Nexus em dezembro de 2010, no Tribute to the Troops.

Em outubro de 2010, no Hell in a Cell , McGillicutty e Husky Harris disfaçaram-se como fãs e interferiram durante a partida entre John Cena e Wade Barrett . Isto permitiu Barrett ao pinar Cena e ganhar a partida, forçando Cena para se juntar ao The Nexus acordo com a estipulação do combate.[16] No Raw seguinte foram reveladas as identidades de McGillicutty e Husky Harris, embora Barrett afirmou que não pediu que eles o ajudassem negando-os à tornar membros em tempo integral.[17] Na semana seguinte McGillicutty e Harris interferiram em uma partida entre Cena e The Miz, custando a partida para Cena, e levou Barrett para dar-lhes oportunidade de ganha participação no Nexus.[18] Em 18 de Outubro num episódio da Raw McGillicutty & Harris foram incapazes de derrotar John Cena e Randy Orton em um combate tag team perdendo uma chance no Nexus.[19] Apesar disso Barrett confirmou tanto ele como Harris, foram admitidos como membros, no episódio de 25 de Outubro no Raw.[20]

Em Janeiro de 2011, CM Punk assumiu o controle do Nexus e teve cada um de seus membros colocados através de uma iniciação. McGillicutty passou a iniciação, e foi autorizado a continuar como membro do Nexus ao lado de Punk, Harris e Otunga.[21] No mês seguinte, Punk foi anunciado como o adversário de Randy Orton na Wrestlemania XXVII, e, como resultado, cada membro da The Nexus foi escalado para enfrentar Orton no mês anterior da WrestleMania. McGillicutty enfrentou e perdeu para Orton em 28 de fevereiro no episódio da Raw , depois de um Punt Kick na cabeça.[22] O angle foi para McGillicutty escrever fora da televisão, ele foi programado para voltar para a Florida Championship Wrestling, para ser treinado.[23] Apesar disso, McGillicutty retornou em 11 de abril no episódio de Raw com os outros membros do novo Nexus, impedindo Orton de ganhar um WWE Championship.[24] [25]

Em 23 de maio no episódio da Raw , McGillicutty fez parceria com o colega da Nexus o membro David Otunga para ganhar o WWE Tag Team Championship de Kane e Big Show com a interferência e ajuda dos companheiros de New Nexus os membros Mason Ryan e Punk. [26] [27] Eles fizeram a defesa do título com sucesso contra os The Usos em 29 de julho edição do SmackDown.[28] Depois de CM Punk deixou o New Nexus e a WWE quando seu contrato expirou em 17 de julho de Otunga e McGillicutty competiu contra Santino Marella e Zack Ryder na edição de 01 de agosto da Raw , sem qualquer equipamento Nexus ou braçadeiras, e com todos os logos Nexus removidos do seu TitanTron, efetivamente, sinalizando o fim do New Nexus.[29] [30] Em 22 de agosto episódio da Raw , Otunga e McGillicutty perdeu o Tag Team Championship a Air Boom ( Kofi Kingston e Evan Bourne ).[31] Depois de uma disputa menor com Jerry Lawler, a dupla se separou.

Retorno ao NXT (2011-2013)[editar | editar código-fonte]

Após a fim da dupla com Otunga, McGillicutty no final de 2011 e meados de 2013, teve que se limitar a lutar apenas no Superstars e no NXT.[32] [33] [34] em 20 de Outubro episódio do Superstars, McGillicutty e Drew McIntyre perderam uma partida Non-Title match contra os WWE Tag Team Champions Air Boom (Kofi Kingston e Evan Bourne).[35] No final de 2011, McGillicutty e Alex Riley tiveram uma series e partidas no Superstars em que McGillicutty venceu uma e perdeu duas pra Riley.[32] [36] No dia 23 de Fevereiro de 2012, no episódio do Superstars McGillicutty derrotou Riley,[37] no que seria sua última vitória em programas não sendo no NXT, resultando em McGillicutty perder mais de vinte partidas seguidas, principalmente no Superstars, mais também sobre o WWE Main Event e no WWE Saturday Morning Slam.[33] [34] [38]

Enquanto isso, McGillicutty fez o seu regresso ao NXT, aparecendo a partir de Janeiro de 2012 na quinta temporada NXT Redemption, mais não como um Rookie.[39] No final de Fevereiro de 2012, McGillicutty ridicularizou Tyson Kidd, por falta de herança no wrestling's, iniciando uma feud entre os dois no NXT Redemption.[40] McGillicutty em seguida venceu Kidd, no episódio de 20 de Fevereiro no NXT Redemption.[41] McGillicutty continuou a insultar Tyson Kidd, alegando que nunca seria um verdadeiro "Hart",[42] e Kidd recebeu uma revanche em 21 de Março na edição do NXT Redemption, onde derrotou McGillicutty.[43] McGillicutty e Kidd se enfrentaram em uma terceira partida em 11 de Abril episódio do NXT, resultando em Kidd triunfar sobre McGillicutty.[44] McGillicutty então formou uma equipe ocasional com Johnny Curtis para o resto de 2012.[33] No episódio final da quinta temporada do NXT em 13 de Junho, Curtis e McGillicutty perderam para The Usos.[45]

Após a conclusão do NXT Redemption, a NXT foi renomeada Florida Championship Wrestling o território de desenvolvimento.[46] McGillicutty continuou aparecendo na reiniciada WWE NXT, perdendo para o rival Tyson Kidd no primeiro episódio de 20 de Junho.[47] McGillicutty então pinou Kidd em uma Six Man tag team match no episódio de 4 de Julho.[48] Duas semanas depois, e seu parceiro ocasional Johnny Curtis derrotaram Bo Dallas e Derrick Bateman.[49] Em 8 de Agosto episódio da NXT, McGillicutty foi inserido no Torneio para coroar o primeiro Campeão do NXT, onde derrotou Justin Gabriel nas quartas de final do torneio.[50] No entanto, McGillicutty foi eliminado nas semi-finais no dia 15 de agosto, quando ele perdeu para o eventual vencedor do torneio Seth Rollins.[51] [52] No episódio seguinte, McGillicutty perdeu mais uma dessa vez com Johnny Curtis contra Kidd e Justin Gabriel,[53] mas em 12 de setembro episódio da NXT , McGillicutty vingou-se derrotando Kidd para se tornar o # 1 contender para o NXT Championship.[54] Em 10 de outubro episódio da NXT , McGillicutty perdeu a disputa do título para o campeão Seth Rollins.[55] Então em 28 de Setembro episódio da NXT, Johnny Curtis venceu a Quarta temporada no NXT e teve a chance de ganhar os tag team titles com seu parceiro McGillicutty contra o Team Hell No (Kane e Daniel Bryan, mais o team Hell No Ganhou a partida.[56]

Em 2013, McGillicutty virou Face (apenas no NXT), depois de salvar Bo Dallas a partir de uma surra nas mãos de Primo e Epico.[57] No episódio seguinte Epico e Primo derrotaram Dallas e McGillicutty,[58] embora Dallas e McGillicutty iriam se vingar quando derrotaram Primo e Epico na primeira rodada do NXT Tag Team Championship Tournament para coroar os campeões inaugural em 30 de janeiro episódio da NXT.[59] Em 06 de fevereiro o episódio da NXT , Dallas e McGillicutty foram eliminados nas semi-finais, quando perderam para The Wyatt Family (Luke Harper e Erick Rowan).[60]

Curtis Axel e Intercontinental Champion (2013–presente)[editar | editar código-fonte]

No dia 20 de maio de 2013 num episódio do RAW, Henning foi renomeado para o nome de Curtis Axel, com Paul Heyman como seu novo gerente. O seu novo nome de ring "Curtis Axel" é um derivado do nome de seu pai, Curt, com apelido de seu avô Larry "The Axe". Mais tarde naquela noite, Axel lutou com Triple H que estava machucado numa redebut match o derrotando. Em 24 de maio no SmackDown, Axel derrotou Sin Cara. Ele também desafiou o WWE Champion John Cena para uma luta. No dia 27 de maio no RAW ele venceu John Cena por conta da ivasão de Ryback que atacou John Cena dando a vitória para Axel. No Payback 2013 Curtis Axel derrotou Wade Barrett e The Miz para conquistar o Intercontinental Championship. No SmackDown defendeu seu título contra Barrett. No Raw Axel salvou o cliente de Paul Heyman, CM Punk de um ataque dos Prime Time Players. No Raw seguinte CM Punk e Axel venceram os Prime Time Players. No SmackDown Axel sofreu sua primeira derrota como cliente de Heyman, para Chris Jericho em uma non-title match. No Money in the Bank, defendeu com sucesso seu título contra The Miz. Axel defendeu novamente seu título no SmackDown, contra Chris Jericho. No Night Of Champions Curtis Axel e Paul Heyman derrotaram CM Punk num combate handicap devido a interferencia de Ryback. No Battleground Curtis Axel defendeu com sucesso o titulo contra R-Truth. No Raw seguinte, Axel perdeu uma Tag Team match com Ryback contra Punk & R-Truth. Na edição de 11 de outubro no Smackdown Axel novamente mantel seu Intercontinental Championship contra R-Truth. Em uma edição do Smackdown após CM Punk vencer Big E Langston, Axel e Ryback atacaram CM Punk que foi salvo por Big E Langston. No Raw seguinte Axel e Ryback foram derrotados por CM Punk e Big E Langston fazendo criar uma rivalidade entre Big E e Axel. No Hell in a Cell Axel estava programado para defender seu título contra Big E Langston, no entanto a partida foi cancelada devido a lesão no quadril de Axel.[61] Axel perdeu seu título para Langston na edição do Raw em 18 de novembro. Axel falhou ao tentar recuperar o Intercontinental Championship em uma revanche no Survivor Series contra Big E Langston.[62] Porém, mais tarde Axel e Ryback venceram uma non-title match contra Cody Rhodes e Goldust ganhando uma oportunidade pelos Títulos de dulas. No TLC: Tables, Ladders & Chairs Axel e Ryback perderam uma luta fatal 4-way de eliminação, em uma luta que envolveu também The Real Americans e Rey Mysterio e Big Show, após serem os primeiros eliminados.[63] No Raw especial de natal, Axel perdeu para Sin Cara.[64]

Vida Pessoal[editar | editar código-fonte]

Hennig é da terceira geração de lutadores profissionais; seu avô Larry "The Axe" Hennig e seu pai Curt Hennig (também conhecido como Mr. Perfect) eram ambos lutadores profissionais[65] . Sua irmã Amy é também uma lutadora profissional[1] . Ele tem outros dois irmãos que não são lutadores.[66] Hennig e sua esposa tiveram um filho, Brock, em junho de 2009. Ele gosta de pescar no gelo[67] e de Fantasy Football. Ele venceu a WWE Magazine 's Fantasy Football League pela NFL Season de 2011.[68]

No wrestling[editar | editar código-fonte]

McGillicutty (olhando por cima do ombro de CM Punk) como parte do New Nexus.

Títulos e prêmios[editar | editar código-fonte]

Hennig e David Otunga como Campeões de Duplas da WWE
  • Pro Wrestling Illustrated
    • PWI Rivalidade do Ano (2010) – The Nexus vs. WWE[72]
    • PWI Lutador Mais Odiado do Ano (2010) – como parte do The Nexus[73]
    • PWI o colocou na #114ª posição dos 500 melhores lutadores em 2010[74]
    • PWI Novato do Ano (2008)[75]

Referências

  1. a b c d e f g Michael McGillicutty Online World of Wrestling. Visitado em 2010-08-04.
  2. a b Caldwell, James (2010-06-01). WWE News: NXT Results – Season Two announced, Pro & Rookie pairings revealed Pro Wrestling Torch. Visitado em 2010-06-01.
  3. Curtis Axel bio World Wrestling Entertainment. Visitado em 2010-10-26.
  4. a b c d Michael McGillicutty bio World Wrestling Entertainment. Visitado em 2010-10-26.
  5. a b Official MySpace
  6. Bishop, Matt (2010-06-08). WWE NXT: New rookies pay as Season 2 opens Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2010-06-17.
  7. Martin, Adam (2010-06-16). WWE NXT Results – 6/15/10 WrestleView. Visitado em 2010-06-17.
  8. Bishop, Matt (2010-06-29). WWE NXT: Surprise! First elimination on tap Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2010-06-30.
  9. Caldwell, James (2010-07-20). WWE News: NXT Results – Rookie gets immunity, Voting for elimination next week Pro Wrestling Torch. Visitado em 2010-07-21.
  10. Bishop, Matt (2010-07-20). WWE NXT: McGuillicutty [sic gains immunity] Slam! Sport Canadian Online Explorer. Visitado em 2010-07-21.
  11. Bishop, Matt (2010-07-27). WWE NXT: Second rookie goes home; New No. 1 Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2010-07-28.
  12. Bishop, Matt (2010-08-03). WWE NXT: Awful show features one of worst segments in company history Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2011-04-03.
  13. Plummer, Dale (2010-08-10). RAW: Team WWE makes a stand Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2010-08-10.
  14. Bishop, Matt (2010-08-10). WWE NXT: Eliminations coming fast and furious Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2010-08-11.
  15. Bishop, Matt (2010-08-31). WWE NXT: Kaval wins show's 2nd season, gets beat down Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2010-09-01.
  16. Hillhouse, Dave (2010-10-04). Hell in a Cell: Betrayal, fan interference, and flying shoes Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2010-10-04.
  17. Caldwell, James (2010-10-04). Caldwell's WWE Raw results 10/4: Complete "virtual time" coverage of Raw with Hell in a Cell fall-out – John Cena joins Nexus Pro Wrestling Torch. Visitado em 2010-10-05.
  18. Tylwalk, Nick (2010-10-12). Raw: Team Raw assembles while Cena stews Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2010-10-18.
  19. Plummer, Dale (2010-10-18). RAW: Smackdown! superstars invade Monday Night Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2010-10-19.
  20. Wilkenfeld, Daniel (2010-10-25). Caldwell's WWE Raw results 10/25: Complete "virtual time" coverage of live Raw following Bragging Rights, Bryan vs. Ziggler Pro Wrestling Torch. Visitado em 2010-10-26.
  21. Plummer, Dale (2011-01-10). RAW: CM Punk thins out the ranks Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2011-01-12.
  22. Plummer, Dale (2011-02-28). RAW: Triple H talks Wrestlemania; The Miz loses an ally Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2011-03-02.
  23. Slam! Wrestling News/Rumours Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em 2011-03-03. Cópia arquivada em 2011-03-03.
  24. Plummer, Dale (April 11, 2011). RAW: Edge calls it a career Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em April 12, 2011.
  25. Tedesco, Mike (April 11, 2011). Raw Results – 4/11/11 WrestleView. Visitado em April 12, 2011.
  26. History of the WWE Tag Team Championship: David Otunga & Michael McGillicutty WWE (May 23, 2011). Visitado em May 24, 2011.
  27. Plummer, Dale (May 23, 2011). RAW: Cena gets nothing but the R-Truth Slam! Sports Canadian Online Explorer. Visitado em May 24, 2011.
  28. Parks, Greg. PARKS' WWE SMACKDOWN REPORT 7/29: Complete coverage of the Friday night show, including Triple H's State of Smackdown address PW Torch. Visitado em 29 August 2011.
  29. Caldwell, James. CALDWELL'S WWE RAW RESULTS 8/1: Complete "virtual-time" coverage of live Raw - Triple H resolves WWE Title situation, battle royal, Ace speaks PW Torch. Visitado em 29 August 2011.
  30. Tedesco, Mike. Raw Results - 8/1/11 Wrestleview. Visitado em 29 August 2011.
  31. Caldwell, James. CALDWELL'S WWE RAW RESULTS 8/22: Complete "virtual-time" coverage of live Raw - Cena-Punk #1 contender re-match, new tag champions, lies & conspiracies PW Torch. Visitado em 29 August 2011.
  32. a b Curtis Axel during 2011 The Internet Wrestling Database. Visitado em 8 June 2013.
  33. a b c Curtis Axel during 2012 The Internet Wrestling Database. Visitado em 8 June 2013.
  34. a b Curtis Axel during 2013 The Internet Wrestling Database. Visitado em 8 June 2013.
  35. James, Justin. JAMES'S WWE SUPERSTARS REPORT 10/20: Tag champs in action, Mahal pins DiBiase, Slater's Wellness Policy send-off Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 June 2013.
  36. James, Justin. JAMES'S WWE SUPERSTARS REPORT 2/23: Mahal vs. Gabriel main event, McGillicutty, Reks, Ryan, Riley Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 June 2013.
  37. James, Justin. JAMES'S WWE SUPERSTARS REPORT 2/23: Mahal vs. Gabriel main event, McGillicutty, Reks, Ryan, Riley Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 June 2013.
  38. James, Justin. JAMES'S WWE SUPERSTARS REPORT 1/31: Kofi vs. McGillicutty main event, Usos vs. Colons XLIII, epic Losing Streaks Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 June 2013.
  39. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 1/4 - Week 44: Regal back on commentary, love triangle latest, which Rookies remain?, Overall Reax Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 June 2013.
  40. Valvo, Anthony. NXT Results - 2/22/12 Wrestleview. Visitado em 13 April 2012.
  41. Walek, Gregory. NXT Results - 2/29/12 Wrestleview. Visitado em 21 March 2012.
  42. Walek, Gregory. NXT Results - 3/14/12 Wrestleview. Visitado em 26 March 2012.
  43. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 3/21 - Week 55: Kidd vs. McGillicutty main event, bizarre episode with kidnapping & Regal foot massage, Overall Reax Pro Wrestling Torch. Visitado em 24 March 2012.
  44. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 4/11 - Week 58: Kidd-McGillicutty best-of-three conclusion, kidnapping caper, Regal Logic Pro Wrestling Torch. Visitado em 13 April 2012.
  45. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 6/13 - Week 67: Final episode of Season 5, WWE introduces FCW stars for Season 6, Usos close out the season Pro Wrestling Torch. Visitado em 9 August 2012.
  46. WWE News: FCW name being phased out Wrestling Observer. Visitado em August 14, 2012.
  47. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 6/20 - Week 1 of new season: Kidd vs. McGillicutty main event, Ross & Regal on commentary Pro Wrestling Torch. Visitado em 14 July 2012.
  48. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 7/4 – Week 3: Chris Hero (Ohno) debuts, Vader's son, Bateman, six-man main event; Overall Reax Pro Wrestling Torch. Visitado em 14 July 2012.
  49. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 7/25 - Week 6: Rollins vs. McIntyre main event, Chris Hero promo, Cesaro vs. A-Ry, Overall Reax Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 June 2013.
  50. James, Justin. JAMES'S WWE NXT RESULTS 8//8 - Week 8: Gold Rush tournament continues, Hero, Paige, Gabriel vs. McGillicutty, Overall Reax Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 September 2012.
  51. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 8/15 - Week 9: Gold Rush tournament continues, Scotty 2 Hotty cameo, Overall Reax Pro Wrestling Torch. Visitado em 31 August 2012.
  52. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 8/29 - Week 11: First NXT champion crowned in big-match setting Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 September 2012.
  53. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 8/22: Final hype for NXT Title match, Kidd & Gabriel, Cesaro, recently-released Diva vs. Tamina Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 June 2013.
  54. James, Justin. JAMES'S WWE NXT RESULTS 9/12 - Week 13: Kidd vs. McGillicutty again, Seth Rollins title run, Sandow, Usos, Big E., Overall Reax Pro Wrestling Torch. Visitado em 30 September 2012.
  55. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 10/10 - Week 17: WWE champ on commentary for excellent NXT Title match, Overall Reax Pro Wrestling Torch. Visitado em 18 October 2012.
  56. Bishop, Matt. WWE NXT: Bryan, Kane defend tag titles SLAM! Wrestling. Visitado em 8 June 2013.
  57. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 1/2: Developmental kicks off 2013 with NXT Title match, Shield added to storylines, Big E.'s role before main roster call-up Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 June 2013.
  58. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 1/9: Big E. captures NXT Title, Shield involved, PAC debut promo, Overall Reax Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 June 2013.
  59. James, Justin. JAMES'S WWE NXT RESULTS 1/30: Tournament continues, Bo Dallas in main event, returns of Bateman, A-Ry & Mason Ryan Pro Wrestling Torch. Visitado em 1 June 2013.
  60. James, Justin. JAMES'S WWE NXT REPORT 2/6 - Week 32: Tag Tournament continues, Bo Dallas's main-roster debut carries over, Overall Reax Pro Wrestling Torch. Visitado em 8 June 2013.
  61. http://www.pwinsider.com/ViewArticle.php?id=81182
  62. Powers, Kevin. Intercontinental Champion Big E Langston def. Curtis Axel WWE. Visitado em 25 de novembro de 2013.
  63. Caldwell, James. CALDWELL'S WWE TLC PPV RESULTS 12/15: Live, in-person coverage of Cena vs. Orton unification match from Houston PW Torch. Visitado em 17 de dezembro de 2013.
  64. Joe, Naddeo. Raw special of Merry Christmas Sin Cara def. Curtis Axel WWE.
  65. Cagematch profile.
  66. Curt Hennig Obituary Legacy.com (2003-02-12). Visitado em 2011-06-22.
  67. McGuillicutty, Michael. None. Visitado em 7 September 2012.
  68. None, None. WWE Magazine's Fantasy Football. Visitado em 7 September 2012.
  69. 7/16 WWE Smackdown TV taping spoilers: Full coverage of the taping for Friday's television show (spoilers) Pro Wrestling Dot Net. Visitado em 20 July 2013. "Decent back and forth match that Axel won with his hangman's facebuster."
  70. PARKS' WWE SMACKDOWN REPORT 5/31: Ongoing "virtual time" coverage of Friday show, including the Dean Ambrose vs. Randy Orton.
  71. Gerweck, Steve (2010-01-15). FCW crowns new tag champions WrestleView. Visitado em 2010-01-16.
  72. Achievement Awards: Feud of the Year Pro Wrestling Illustrated (2011-01-10). Visitado em 2011-01-15.
  73. Achievement Awards: Most Hated Pro Wrestling Illustrated (2011-01-17). Visitado em 2011-01-22.
  74. "PWI 500": 101–200 Pro Wrestling Illustrated (2010-07-31). Visitado em 2010-07-31.
  75. (2009) "". Pro Wrestling Illustrated 30 (3): 62–63.
  76. History of the WWE Tag Team Championship: David Otunga & Michael McGillicutty WWE (May 23, 2011). Visitado em May 24, 2011.