Internet Explorer

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Microsoft Internet Explorer)
Ir para: navegação, pesquisa
Internet Explorer
Logo Windows Internet Explorer 9-pt.PNG Internet Explorer wordmark.svg
Captura de tela
Internet Explorer 10 exibindo a página inicial da Wikipédia no Windows 7
Desenvolvedor Microsoft Corporation
Plataforma Windows,MAC
Lançamento 23 de agosto de 1995 (19 anos)
Versão estável 11.0.2 [1] (10 de dezembro de 2013; há 53 semanas e 5 dias)
Escrito em C++
Sistema operativo Windows
Gênero(s) Navegador
Licença Proprietária
Estado do desenvolvimento Ativo
Página oficial Windows Internet Explorer.

Windows Internet Explorer, também conhecido pelas abreviações IE, MSIE, WinIE ou Internet Explorer é um navegador de internet de licença proprietária produzido inicialmente pela Microsoft em 23 de agosto de 1995.

O Internet Explorer é um componente integrado desde o Microsoft Windows 98. Está disponível como um produto gratuito separado para as versões mais antigas do sistema operacional. Acompanha o Windows desde a versão 95 OSR2. A partir da versão 6 inclusa no XP em 2002, uma grande atualização do navegador foi oferecida aos usuários do Windows XP junto ao Service Pack 2 (embora sempre tenha havido um ciclo mensal de correções para o navegador). A versão 7 do Internet Explorer, lançada em Outubro de 2006, chegou aos usuários disponível para o Windows XP SP2 e Windows Server 2003 (com status de atualização crítica), além de estar pré-instalada no Windows Vista e no Windows 7 (a versão 8 Beta) (onde possui algumas funções a mais). A versão 8, lançada em 19 de março de 2009, é disponível para Windows XP, Windows Server 2003, Windows Vista e Windows Server 2008.[2]

Por algum tempo, a Microsoft lançou versões do Internet Explorer para o Macintosh, Solaris e HP-UX. Estas versões tiveram o desenvolvimento cancelado.[3] O navegador ainda roda em Linux, através da camada de compatibilidade Wine.

Desde o lançamento da versão 7 do navegador, o nome oficial foi então alterado de "Microsoft Internet Explorer" para "Windows Internet Explorer", por causa da integração com a linha Windows Live. No Windows Vista ele chama-se oficialmente "Windows Internet Explorer in Windows Vista" e no Windows XP ele é chamado oficialmente de "Windows Internet Explorer for Windows XP".[4]

Um de seus principais concorrentes foi o Netscape, hoje descontinuado. Atualmente, seus maiores concorrentes são o Mozilla Firefox, o Google Chrome, o Opera e o Safari.

Em Setembro de 2014 era o segundo navegador mais usado no mundo, com 22,62% dos usuários, contra 49,18% do Google Chrome (líder) e 19,25% do Mozilla Firefox (terceiro) segundo dados da StatCounter.[5]

Versões[editar | editar código-fonte]

Microsoft Internet Explorer 1[editar | editar código-fonte]

Lançado em agosto de 1995.

Microsoft Internet Explorer 2[editar | editar código-fonte]

Lançado em novembro de 1995.

Microsoft Internet Explorer 3[editar | editar código-fonte]

Lançado em agosto de 1996, foi uns dos primeiros navegadores, a ter suporte ao CSS. Foi introduzido o suporte ao ActiveX, linguagem JavaScript. As novidades são consideráveis, tanto que o Internet Explorer 3 passou a ser concorrente do Netscape, o navegador mais usado na época. Teve também a primeira mudança significativa na interface.

Microsoft Internet Explorer 4[editar | editar código-fonte]

Lançado em setembro de 1997, apresentou como novidades a integração completa com o sistema operacional e a tecnologia push, tornando-se concorrente não só do Netscape mas também de softwares como o PointCast, além de outras novidades.

Microsoft Internet Explorer 5[editar | editar código-fonte]

Lançado em março de 1999, foi introduzido o suporte à linguagem XML, XSL, o formato MHTML e mais algumas coisas. O Internet Explorer 5 é encontrado no Windows 98 SE e no Windows 2000. Em julho de 2000, é lançado o Internet Explorer 5.5, juntamente com o Windows ME, contendo algumas melhorias.

Microsoft Internet Explorer 6[editar | editar código-fonte]

Lançado em agosto de 2001, juntamente com o Windows XP. Nessa versão há um melhor suporte ao CSS level 1, DOM level 1 e SML 2.0 e algumas novidades.[6] Em Setembro de 2002 é lançado o Service Pack 1 (SP1) e em agosto de 2004 é lançado o segundo Service Pack (SP2), oferecendo maior segurança com recursos como "Bloqueador de PopUps", proteção contra downloads potencialmente nocivos, entre outros..[7]

Internet Explorer 7[editar | editar código-fonte]

Internet Explorer 8[editar | editar código-fonte]

Internet Explorer 9[editar | editar código-fonte]

O Windows Internet Explorer 9 possui uma aparência simplificada e muitos recursos novos que aceleram a sua experiência de navegação na Web.

Internet Explorer 10[editar | editar código-fonte]

O Windows Internet Explorer 10 é o sucessor do Internet Explorer 9. Seu lançamento para testes ocorreu no dia 12 de Abril de 2011 e seu lançamento oficial se deu junto com o lançamento do Windows 8. Atualmente está na versão 10.0.9200.17054. Ele vem pré instalado no Sistema Operacional Windows 8, e tem compatibilidade com o Windows 7 (por enquanto, apenas na versão de testes). Algumas inovações desta versão foram a interface Metro e também o uso de recursos gráficos da placa de vídeo, tornando-o muito mais suave do que as versões anteriores. Implementa os padrões que serão adotados para o HTML5 e CSS3 além de uma série de outras novidades.

Internet Explorer 11[editar | editar código-fonte]

Vulnerabilidades[editar | editar código-fonte]

O Internet Explorer foi sendo ao longo dos anos apontado como um software com numerosas falhas de segurança.[8] [9] [10] [11] Programas maliciosos ou oportunistas exploravam brechas para roubar informações pessoais. Softwares maliciosos - vírus - worms - trojans -, exploravam falhas do navegador para controlar e/ou direcionar os usuários a determinadas paginas. Alguns especialistas apontam estes problemas como uma das causas para a perda de mercado (número de usuários utilizando o navegador). [12] [13] A Microsoft argumenta que a quantidade de vulnerabilidades encontradas está relacionada ao contigente de usuários. Sendo este fator predominante para que pessoas mal-intencionadas explorassem erros com fins ilícitos. Entretanto, problemas relacionados a vulnerabilidade de navegadores não restringem-se ao Internet Explorer. Outros navegadores populares também já foram vitímas de pessoas mal-intencionadas, como exemplo: Firefox [14] [15] - Google Chrome [16] [17] - Opera. [18] Assim sendo, torna-se óbvio que pessoas que projetam pragas digitais enfatizem software/navegadores/sistemas operacionais populares. Depois que o Internet Explorer passou a perder mercado, falhas de segurança em outros navegadores começaram a ser divulgadas. Talvez o fato que leve o Internet Explorer a ser alvo de tantas critícas está relacionado com o fato de o mesmo ser de código fechado. Desta forma, torna-se difícil identificar problemas antes que algum software mal-intencionado seja descoberto.

Utilização[editar | editar código-fonte]

O Internet Explorer já foi o navegador mais utilizado chegando a 99% dos usuário, mas teve uma grande queda nos últimos anos, chegando a ficar em segundo lugar. De acordo com a Start Counter o Internet Explorer ficou com (32,07%) ficando atrás do Chrome (32,44%) no mês de maio de 2012 e desde então não recuperou mais o primeiro lugar [19] . Apesar disso outras pesquisas como a Marketshare [20] aponta que a queda não chegou a ser tão expressiva, apesar de ter chegado em 54% e tem se mostrado em queda nos últimos anos. Até Setembro de 2014 se mantém como o segundo navegador mais usado do mundo, com 22,62% dos usuários mundiais, segundo o StatCounter.

Resumo da história de utilização por ano e versão[editar | editar código-fonte]

A tabela mostra o número de utilização ao longo do tempo. Foram utilizados como base diferentes contadores. Alguns baseados no uso anual, outros mensais ou então na média de utilização ao término do ano. Desta forma, a tabela está embasada nas fontes disponíveis.

[21] [22] [23] [23] [24] [25] [26]

Total IE10 IE9 IE8 IE7 IE6 IE5 IE4 IE3 IE2 IE1
2010 60.04%[27] Baixa - - 29.43%[27] Aumento 11.61%[27] Baixa 16.79%[27] Baixa 0.0?%[27] Baixa 0% 0% 0% 0%
2009 66.92%[26] Baixa - - 10.40%[26] Aumento 26.10%[26] Baixa 27.40%[26] Aumento 0.08%[26] Baixa 0%Baixa 0% 0% 0%
2008 72.65%[21] Baixa - - 0.34%[21] Aumento 46.06%[21] Aumento 26.20%[21] Baixa 0.15%[21] Baixa 0.01%[21] Baixa 0% 0% 0%
2007 78.60%[21] Baixa - - - 45.50%[21] Aumento 32.64%[21] Baixa 0.45%[21] Baixa 0.01%[21] Baixa 0% 0% 0%
2006 83.30%[21] Baixa - - - 3.49%[21] Aumento 78.08%[21] Baixa 1.42%[21] Baixa 0.02%[21] Baixa 0% 0% 0%
2005 87.12%[21] Baixa - - - - 82.71%[21] Baixa 4.35%[21] Baixa 0.06%[21] Baixa 0% 0% 0%
2004 91.27%[21] Baixa - - - - 83.39%[21] Aumento 7.77%[21] Baixa 0.10%[21] Baixa 0% 0% 0%
2003 94.43%[23] Aumento - - - - 59.00%[23] Aumento 34.00%[23] Baixa 1.00%[23] Baixa 0% 0% 0%
2002 93.94%[23] Aumento - - - - 50.00%[23] Aumento 41.00%[23] Baixa 1.00%[23] Baixa 0% 0% 0%
2001 90.83%[23] Aumento - - - - 19.00%[23] Aumento 68.00%[23] Baixa 5.00%[23] Baixa 0% 0% 0%
2000 83.95%[23] Aumento - - - - - 71.00%[23] Aumento 13.00%[23] Baixa 0% Baixa 0% 0%
1999 75.31%[25] Aumento - - - - - 41.00%[23] Aumento 36.00%[23] Baixa 1.00%[23] 0% 0%
1998 45.00%[24] Aumento - - - - - -  ? Aumento  ?  ?  ?
1997 39.40%[22] Aumento - - - - - -  ? Aumento  ?  ?  ?
1996 20.00%[22] Aumento - - - - - - -  ?  ?  ?
1995 2.90%[22] Aumento - - - - - - - -  ?  ?

Ver também[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o portal:

Referências

  1. Microsoft. Internet Explorer 10 já está disponível. Visitado em 27 de fevereiro de 2013.
  2. Microsoft. Ajuda e suporte para Internet Explorer 8. Visitado em 19 de março de 2009.
  3. Microsoft ended support for Internet Explorer for Mac on December 31st, 2005
  4. Revised IE7 Naming in Windows Vista - IEBlog - Site Home - MSDN Blogs blogs.msdn.com. Visitado em 13 de março de 2011.
  5. Top 5 Desktop Browsers from Aug to Sept 2014 | StatCounter Global Stats StatCounter (31 de setembro de 2014). Visitado em 7 de outubro de 2014.
  6. MSDN: What's new in Internet Explorer 6
  7. MSDN: What's new in Internet Explorer 6 SP2
  8. Impedindo o Internet Explorer e o Outlook Express problemas de segurança de scripts entre sites support.microsoft.com. Visitado em 13 de Março de 2011.
  9. Microsoft confirma vulnerabilidade no navegador Internet Explorer - Segurança - IDG Now! idgnow.uol.com.br. Visitado em 13 de Março de 2011.
  10. Microsoft repara vulnerabilidades críticas en IE y Windows threatpost.com. Visitado em 13 de Março de 2011.
  11. Vulnerabilidades no Microsoft Internet Explorer www.rnp.br. Visitado em 13 de Março de 2011.
  12. Folha Online - Informática - Internet Explorer volta a perder mercado para navegadores rivais - 02/01/2009 www1.folha.uol.com.br. Visitado em 13 de Março de 2011.
  13. Internet Explorer perde mercado e fica abaixo de 60% - 04/10/2010 - IT Web - Notícias www.itweb.com.br. Visitado em 13 de Março de 2011.
  14. Firefox 3.5.7 corrige vulnerabilidades - INFO Online - (06/01/2010) info.abril.com.br. Visitado em 13 de Março de 2011.
  15. Firefox apresenta duas novas vulnerabilidades - Navegador de código aberto apresenta duas brechas que permitem que crackers enganem proteção antiphishing e acessem dados pessoais. www.baboo.com.br. Visitado em 13 de Março de 2011.
  16. Atualização corrige vulnerabilidades graves no Google Chrome www.linhadefensiva.org. Visitado em 13 de Março de 2011.
  17. Google Chrome: mais bugs e correção - Duas vulnerabilidades foram corrigidas após o lançamento na semana passada. www.baboo.com.br. Visitado em 13 de Março de 2011.
  18. Opera 10.6 Corrige Vulnerabilidades DLL under-linux.org. Visitado em 13 de Março de 2011.
  19. [1]
  20. [2]
  21. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y http://marketshare.hitslink.com/
  22. a b c d Browser wars: High price, huge rewards | Tech News on ZDNet News.zdnet.com. Visitado em 2008-10-17. [ligação inativa]
  23. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t TheCounter.com: The Full-Featured Web Counter with Graphic Reports and Detailed Information Thecounter.com. Visitado em 2008-10-17.
  24. a b "CNN - Behind the numbers: Browser market share - October 8, 1998", Cnn.com. Página visitada em 2008-10-17.
  25. a b Web Analytics | Online Business Optimization by Omniture Omniture.com. Visitado em 2008-10-17.
  26. a b c d e f Browser Version Market Share marketshare.hitslink.com (2009). Visitado em 2010-09-26.
  27. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas nashare2010

Ligações externas[editar | editar código-fonte]