Milímetro de mercúrio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde janeiro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Um milímetro de mercúrio (símbolo: mmHg) é uma unidade de pressão atmosférica, antigamente definida como a a pressão extra gerada por uma coluna de mercúrio com altura de um metro. Atualmente é definida precisamente como 13.5951 × 9.80665 = 133,322387415 Pa.[1]

Embora não seja uma unidade do Sistema Internacional de Unidades (SI), o milímetro de mercúrio é ainda rotineiramente usado em medicina, meteorologista e muitos outros campos da ciência.

O milímetro de mercũrio surgiu quando Evangelista Torricelli inventou o barómetro de mercúrio, em 1643.

Um milímetro de mercúrio é aproximadamente igual a 1 torr, ou 1/760 da pressão atmosférica padrão. Porém as duas unidades não são exatamente iguais. Todavia, a diferença (menos de 0,000015%) é irrelevante para a maioria dos usos práticos.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre padrões ou medidas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.