Mildrith

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Imagem de Santa Mildrith

Mildrith (Mildþrȳð; 694–716x733), também conhecida como Mildthryth, Mildryth ou Mildred, foi uma abadessa anglo-saxã. Mildrith era a filha do rei Merewalh de Magonsaete, um sub reino de Mércia, e de Santa Eormenburga,[1] filha do rei Etelberto de Kent e, como tal, personagem das lendas reais de Kent. Suas irmãs, Milburga e Mildgytha também foram canonizadas. Goscelin, se baseando numa história agora considerada perdida dos governantes do reino de Kent, escreveu uma hagiografia sobre Mildrith.

A família materna de Mildrith possui laços íntimos com os monarcas Merovíngios de Gaul, e acredita-se que Mildrith tenha sido educada na prestigiosa Abadia de Chelles.[1] Ele entrou na abadia de Minster-in-Thanet, a qual sua mãe havia estabelecido, e da qual se tornou abadessa em 694. Acredita-se que seus laços com Gaul foram mantidos, já que uma série de dedicações a Mildrith existem em Pas-de-Calais, incluindo em Millam. Mildrith morreu em Minster-in-Thanet e foi enterrada lá.

Seus restos mortais foram transferidos para a Abadia de Santo Agostinho, na Cantuária, em 1030,[1] a data é comemorada em 18 de maio. Mildrith parece ter sido substituída na função de abadessa por Edburga of Minster-in-Thanet, correspondente de São Bonifácio.

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre História do Reino Unido é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.