Mind Over Murder

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
"Mind Over Murder"
4º episódio da 1ª temporada de Family Guy
Lois Griffin em sua performance no bar de Peter, localizado no porão da casa.
Informação geral
Escrito por Neil Goldman
Garrett Donovan[1]
Direcção Roy Allen Smith[1]
Código de produção 1ACX03[1]
Duração 30 minutos
Exibição original 25 de de abril de 1999[1]
Convidados
Cronologia
Último
Último
"Chitty Chitty Death Bang"
"A Hero Sits Next Door"
Próximo
Próximo
Family Guy (primeira temporada)
Lista de episódios

"Mind Over Murder" é o quarto episódio da primeira temporada da série de comédia norte-americana Family Guy, exibido originalmente no canal de televisão Fox em 25 de abril de 1999.[2] O episódio mostra Peter após ser condenado em prisão domiciliar e por isso, decide abrir seu próprio bar no porão da família, o qual imediatamente se torna um sucesso entre os amigos dele quando sua esposa, Lois, começa a cantar e dançar na frente do público enquanto veste roupas reveladoras. Ao mesmo tempo, Stewie tenta criar uma máquina do tempo para se livrar de uma dor de dente.

O episódio foi escrito por Neil Goldman e Garett Donovan e dirigido por Roy Allen Smith, que participam da série pela primeira vez. Grande parte do humor existente no episódio é estruturado em cortes, com sequências que parodiam a cultura popular, incluindo temas como As Crônicas de Nárnia, Sesame Street, Homicide: Life on the Street, Mentos e o assassinato de Abraham Lincoln. O título foi inspirado nos programas de rádio de 1930 e 1940, principalmente na antologia de terror Suspense, que apresentava diversos elementos relacionados à morte e assassinato. Participaram como convidados os artistas Carlos Alazraqui, Butch Hartman, Alex Rocco, Leslie Uggams e Wally Wingert, juntamente com os dubladores recorrentes da série.

O episódio recebeu destaque do crítico televisivo da IGN Ahsan Haque por sua história e uso de referências culturais.[3]

Enredo[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Esta seção contém revelações sobre o enredo.

Stewie está com uma terrível dor devido ao início da dentição e não consegue se sentir bem de nenhum jeito. Quando sua mãe Lois diz a ele que a dor irá passar, a criança tem a ideia de construir uma máquina do tempo que seja capaz de transportá-lo para uma época em que a dor já tenha passado. Enquanto isso, Lois pede para Peter levar Chris em sua partida de futebol e voltar rapidamente para tomar conta do filho menor. No entanto, Quagmire estava na partida também e levou cerveja, então o homem decide ignorar a esposa e ficar no jogo; um membro da multidão insulta Chris e Peter, irritado, soca essa pessoa no rosto, até descobrir que esta era uma mulher grávida que tinha voz e corpo parecidos com a de um homem.[4]

Ele é condenado e tem que cumprir pena em prisão domiciliar por agressão; logo, começa a sentir falta de seus amigos. Peter tem uma visão de Pawtucket Patriot, um mascote ficcional de cerveja, que lhe dá um conselho através de um rótulo, recomendando-o a abrir um bar em seu porão: assim, seus amigos poderão lhe visitar. O local rapidamente vira um sucesso, mas Lois fica chateada e, com isso, recebe uma proposta para cantar aos clientes. Ela começa a aproveitar o sucesso nos dias seguintes e Peter fica cada vez mais desconfortado com a grande atenção recebida pela mulher, especialmente dos homens. Pede que ela pare de cantar, mas Lois recusa o pedido.[4]

Esposas dos clientes do bar ficam irritadas pelo fato de que os maridos sempre estão lá e ordenam que parem de frequentar o local. O plano de Stewie construir uma máquina do tempo é acidentalmente descoberto por Lois, que o mostra para os clientes; irritado e decepcionado, o menino corre para a parte superior da casa. Pouco tempo depois, as esposas invadem o bar e Lois afirma que somente queria se sentir apreciada e especial, algo que as outras mulheres também desejam. Acidentalmente, Quagmire incendeia o local.[4]

Na parte de cima da casa, Stewie toma medidas drásticas para proteger seus planos, programando a máquina para voltar no tempo antes de elaborá-los. No bar, Peter e Lois conversam emocionadamente e não percebem o incêndio: quando tentam escapar, as escadas ficam bloqueadas e eles, presos. Stewie retorna ao tempo, Peter tem uma epifania sobre como ele trata a esposa sem lhe dar valor e segundos antes, o porão pega fogo. Todos voltam no tempo, quando Lois pede a Peter que leve Chris ao jogo. Enquanto o filho se arruma, Peter viaja na máquina do tempo de Stewie, destruindo e ferindo sua perna, o que irá impedi-lo de levar Chris para o jogo de futebol.[4]

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Produção[editar | editar código-fonte]

Butch Hartman participou como convidado neste episódio.

"Mind Over Murder" foi escrito por Neil Goldman e Garett Donovan e dirigido por Roy Allen Smith, a primeira contribuição deles na série. Peter Shin, que supervisionou os outros episódios, atuou como diretor supervisor.[2] O escritor Andre Gormley e o dublador Mike Henry atuaram como escritores auxiliares, enquanto Ricky Blitt e Chris Sheridan trabalham como editores da história.[2] Em adição ao elenco habitual, participaram como convidados os dubladores Leslie Uggams, Wally Wingert, Alex Rocco e Carlos Alazraqui.[2] Os dubladores de personagens secundários Lori Alan e Butch Hartman (escritor e animador) também participaram do episódio.[2]

O título, assim como dos três primeiros episódios da temporada, foi inspirado em programas de rádio de 1930 e 1940, particularmente na antologia de terror Suspense, que apresentava elementos relacionados com morte e assassinato. Essa inspiração deixou de ser usada a partir do quinto episódio, "A Hero Sits Next Door",[5] [6] principalmente para tornar os títulos mais fáceis de serem distinguidos. [6] [7]

Referências culturais[editar | editar código-fonte]

Assim como os outros episódios de Family Guy, "Mind Over Murder" apresenta várias referências a cultura popular. Quando Lois discute com Peter por causa da bagunça que ele faz em casa, diz que é horrível para realizar trabalhos domésticos: um corte mostra o homem na lavanderia, que sobe na máquina de lavar roupas procurando por uma meia e acaba indo para um mundo frio, onde encontra o Sr. Tumnus de As Crônicas de Nárnia.[8] Enquanto Peter está cumprindo prisão domiciliar, afirma que está entediado de tudo em sua casa, incluindo os programas de televisão, os quais parecem estar misturados.[3] Um corte mostra Beto e Ênio do programa infantil Sesame Street, juntos com a série dramática Homicide: Life on the Street. Existe uma referência relacionada a história; quando a família Griffin está assistindo televisão, veem um comercial da bala Mentos, o qual apresenta o ator John Wilkes Booth em uma tentativa de assassinar Abraham Lincoln.[3] Quando Stewie começa a sentir dor em sua boca, Lois percebe que sua dentição está iniciando. Ele imediatamente pede à ela que o mate ou agite como uma babá britânica, citando o caso de Louise Woodward.[3]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Em sua avaliação feita em 2008, Ahsan Haque da IGN destacou o episódio, classificando-o com a nota 9/10, dando ênfase a "integração entre piadas aleatórias e o enredo", em comparação com episódios seguintes. Criticou a "única dimensão" da essência do personagem Stewie, mas se impressionou com a quantidade de história durante a meia-hora do episódio.[3] Em outro artigo, Haque colocou o plano da construção de uma máquina do tempo em quinto lugar na lista de "Os 10 planos malignos mais diabólicos de Stewie".[9]

Robin Pierson, da The TV Critic, apresentou uma análise diversificada, dando como pontuação 55%. Pierson destacou o enredo do episódio, a manipulação de Peter e Stewie e alguns cortes.[8] Criticou negativamente a relação entre Lois e Peter, dizendo que não era convincente. No fim da avaliação, afirmou que "Family Guy não parece ter encontrado o balanço certo entre a estupidez e a seriedade. De longe, esses enredos foram irrelevantes ou emocionalmente, desagradáveis. Também foi curto em piadas boas."[8]

Referências

  1. a b c d Callaghan, p. 26
  2. a b c d e Family Guy - Mind Over Murder Cast and crew Yahoo!. Visitado em 21 de junho de 2011.
  3. a b c d e Haque, Ahsan. Family Guy: "Mind Over Murder" Review IGN. Visitado em 01-12-2009.
  4. a b c d "Mind Over Murder". Family Guy. Fox Broadcasting Company. 25-04-1999. Episódio número 4, 1ª temporada.
  5. Haque, Ahsan. Family Guy Flashback: "A Hero Sits Next Door" Review IGN. Visitado em 01-12-2009.
  6. a b William S. Paley TV Fest: Family Guy IGN. Visitado em 03-10-2009.
  7. Callaghan, p. 32
  8. a b c Pierson, Robin (7 de agosto de 2009). Episode 3: Mind Over Murder 'The TV Critic'. Visitado em 21 de junho de 2011.
  9. Haque, Ashan (2008-07-31). Family Guy: Stewie's Top 10 Most Diabolical Plans IGN News Corporation. Visitado em 21 de junho de 2011.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por:
Chitty Chitty Death Bang
Family Guy (primeira temporada) Sucedido por:
A Hero Sits Next Door