Ministro das Finanças da Nigéria

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Ministro das Finanças da Nigéria é um alto funcionário do gabinete do Conselho Executivo Federal da Nigéria. A principal responsabilidade do ministro das Finanças é a de gerir as finanças da tesouraria da Nigéria de forma transparente, responsável e eficaz para apoiar as prioridades de desenvolvimento econômico do país. O atual ministro das Finanças é Ngozi Okonjo-Iweala.

Nomeação[editar | editar código-fonte]

O Ministro das Finanças é nomeado pelo Presidente da Nigéria sujeita à confirmação da nomeação pelo Senado da Nigéria.

Agenda de responsabilidades[editar | editar código-fonte]

  • Preparação de estimativas orçamentárias anuais de receita e despesa do Governo Federal.
  • Determinação das políticas fiscais do Governo Federal.
  • Mobilização de recursos financeiros internos e externos para fins de desenvolvimento nacional.
  • Gestão de reservas cambiais.
  • Gestão das Receitas do Governo Federal.
  • Avaliação de moeda.
  • Regulação da indústria de seguro
  • Gestão de alocação de receita.

Paraestatais e agências[editar | editar código-fonte]

  • Gabinete do Tesoureiro Geral da Federação da Nigéria
  • Orçamento de Gabinete da Federação
  • Serviço de Receita Interna Federal
  • Tribunal de Investimento e Segurança
  • Comissão Nacional de Seguros
  • NEXIM
  • Comissão de Seguro de Depósito da Nigéria
  • Serviço Aduaneiro da Nigéria
  • Segurança e Comissão de Câmbio

Ministros das Finanças[editar | editar código-fonte]

NOME PERÍODO
Festus Okotie-Eboh 1960–1966
Olu Falae 1989–1991
Adamu Ciroma 1999–2003
Ngozi Okonjo-Iweala 2003–2006
Nneadi Usman 2006–2007
Shamsuddeen Usman 2007–presente

==

Referências

==