Mirai Nikki

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ni hon go2.png Este artigo contém texto em japonês.
Sem suporte multilingual apropriado, você verá interrogações, quadrados ou outros símbolos em vez de kanji ou kana.
Mirai Nikki
未来日記
(Mirai Nikki)
Capa da primeira edição do mangá
Gênero Horror, Sobrenatural, Suspense, Romance
Inadequado para menores de 16 anos i DEJUS (Brasil)
Mangá
Autor Sakae Esuno
Editora(s) Japão Kadokawa Shoten
Editora(s)
lusófonas(s)
Brasil Editora JBC
Revista Shōnen Ace
Público-alvo Shōnen
Data de publicação 26 de janeiro de 2006 – 27 de dezembro de 2010
Volumes 12 (Lista de Volumes)
Anime
Direção Naoto Hosoda
Estúdio Asread
Exibição original 10 de outubro de 2011 – 16 de abril de 2012
Emissoras de TV Japão Chiba TV
Nº de episódios 26
Projeto Animangá  · Portal Animangá

Mirai Nikki (未来日記? lit. "Diário do Futuro") é um mangá shōnen escrito e ilustrado por Sakae Esuno[1] (também criadora do mangá Big Order). A primeira edição do mangá foi lançada em 26 de Janeiro de 2006 pela Shōnen Ace. O mangá já foi finalizado em dezembro de 2010 no Japão. Uma adaptação de anime foi produzida pelo estúdio Asread e exibida entre 10 de outubro de 2011 e 16 de abril de 2012[2] .O mangá foi lançado no Brasil em Janeiro de 2013, pela editora JBC, e terá o mesmo número de edições do original japonês, ou seja, 12 números. Uma continuação, intitulada Mirai Nikki: Redial (未来日記リダイヤル? lit. "Diário do Futuro: Rediscagem"), teve uma amostra lançada na edição de Maio de 2013 da revista Shōnen Ace, vendida em 26 de Março de 2013, e um volume único dele será lançado em 26 de Julho de 2013, acompanhado de um OVA em DVD. [3] [4] [5]

História[editar | editar código-fonte]

Yukiteru é um garoto que poderia ser considerado estranho. Com dificuldades de fazer amigos, para ele a vida não passa de um grande reality show, onde ele é mais um espectador. Tudo que ele vê, resolve anotar em seu celular, fazendo dele seu diário. Mais estranhas ainda são as atitudes do garoto, que imagina dentro de seus pensamentos um Deus dominador do tempo e espaço. Mas não era realmente uma imaginação… Yukiteru ganha desse Deus o poder de prever o futuro com seu celular, o seu “diário do futuro”. Porém, Yukiteru terá que usar seu poder para sobreviver em um jogo envolvendo perigosos assassinos e psicopatas, cada um com um poder especial em mãos. Todos eles estarão concorrendo para ser o sucessor de Deus no fim das contas. Como Yukiteru conseguirá vencer esse jogo? E quem é a misteriosa, apaixonada e perigosa Yuno?

Portadores de Diários[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

Foram escolhidos, por Deus, 12 portadores de diários do futuro. Iniciou-se, assim, o jogo de sobrevivência, onde cada portador deveria matar os outros, e o campeão ganharia o trono de deus. Eram estes os 12 portadores:

Portador Diário
Amano Yukiteru (Primeiro)
  • Diário do Acaso: Ele possui a habilidade de coletar todas as informações ao redor do Yuki. Esse diário é o que prevê mais informações dentre todos, mas o diário não mostra previsões sobre ele mesmo o que pode custar sua vida.
  • Ocupação: Estudante.
Yuno Gasai (Segunda)
  • Diário do Yukiteru: É um diário que a Yuno usa para perseguir/stalkear Yukiteru ao descobrir tudo o que ele faz a cada 10 min. O diário só grava informações a respeito do Yukiteru, mas são baseadas no ponto de vista da Yuno, então normalmente elas são super exageradas. Quando combinado com o diário indiferente do Yukiteru, eles são capazes de fazer uma previsão perfeita do futuro. Isso quer dizer que Yukiteru e Yuno têm que manter seu bom relacionamento, não importa como.
  • Ocupação: Estudante, Stalker.
Takao Hiyama (Terceiro)
  • Diário do Assassino: O diário grava informações sobre os futuros assassinatos de Hiyama Takao ao mostrar o local e que tipos de métodos foram usados para capturar o alvo. Já que Hiyama Takao era um professor do colégio Sakurami, ele foi capaz de descobrir que Yukiteru era mais um dos donos dos diários do futuro depois de sua mudança dramática na escola.
  • Ocupação: Professor, Serial killer.
Keigo Kurusu (Quarto)
  • Diário da Investigação: Como um detetive, Kusuru usa o diário para propositos investigativos. O campo de previsão é limitado ao distrito de Sakurami ao qual Kusuru esta a cargo. Já que alguns dos jogadores do jogo de sobrevivência donos de diários também são criminosos e assassinos; Kusuru foi escolhido por Deus para balancear o jogo. Um dos motivos é que ele tem acesso ao banco de dados da estação policial de Sakurami. Kusuru soube das ações da terrorista Uryuu Minene ao usar seu Diário da investigação. Ele sabia que Uryuu iria tentar usar Yukiteru como isca para atrai-lo.
  • Ocupação: Policial.
Reisuke Houjou (Quinto)
  • Diário da Hipervisão: Seu diário é um caderno de desenho infantil que lhe mostra futuros acontecimentos que acontecerão durante o dia, ou seja seu diário lhe mostra 3 desenhos por dia que prevem acontecimentos importantes na manhã, na tarde e na noite. Seu defeito é o grande intervalo de tempo que há entre cada previsão, pois só há três relatos por dia. Morto por Yuno.
  • Ocupação: Nenhuma
Tsubaki Kasugano (Sexta)
  • Diário da Clarividência: O diário é um pergaminho que permite que o portador monitore o futuro de todos os seus seguidores, lhe permitindo um certo tipo de controle sobre eles. Ao contrario do diário aleatório, este não está limitado a prever só o futuro nos seus arredores, ou seja ele pode prever eventos que estejam acontecendo a uma certa distância de sua residência. O diário fica confuso quando os seguidores de sua portadora são enganados ou hipnotizados, tornando assim, seu ponto fraco. Yuno corta seu braço e logo após isso ela é morta por Yukiteru.
  • Ocupação: Sacerdotisa do Culto do Olho Sagrado
Marco Ikusaba e Ai Mikami (Sétimos)
  • Diário da Troca: São dois celulares que permitem que seu portador preveja o futuro do outro portador, ou seja, Marco prevê o futuro de Ai e, Ai prevê o futuro de Marco. Assim, os dois podem proteger um ao outro. Ai é morta por Yuno, e logo após isso Marco comete suicídio ao preferir ficar com Ai na torre que estava desabando do que fugir com o paraquedas.
  • Ocupação: Nenhuma / Desconhecida
Kamado Ueshita (Oitava)
  • Diário Servidor: O diário servidor permite que, a partir de um site de blogs criado pela portadora, possa criar outros portadores de diários, ou seja, produzir um pequeno exército de portadores de diários do futuro. Sua principal falha é que ele não pode ver o futuro, mas sim fazer com que outros possam prever. Além disso, os portadores criados não precisam, necessariamente, obedecer às ordens da portadora. É morta por Yuno.
  • Ocupação: Dona de Orfanato
Minene Uryuu (Nona)
  • Diário da Fuga: Como uma terrorista, Uryuu Minene usa seu diário do futuro para escapar prevendo as possíveis rotas de fuga. Uryuu Minene começou suas atividades terroristas aos 8 anos e é especialista em química. As suas atividades se concentram mais no oriente médio, mas, ela recentemente retornou do exterior e no momento se esconde na cidade Sakurami, a 9ª é extremamente difícil de capturar, mas, isso se tornou possível por um dos donos de diário que pode mobilizar as forças policiais, Kusuru Keigo e também mais uma das donas de diário, Kasano Tsubaki.
  • Ocupação: Terrorista
Karyūdo Tsukishima/ Hinata Hino (Filha) (Décimo)
  • Diário da Criação: Permite que crie e adestre um grupo de cães assassinos, utilizando comandos de voz para controlá-los. A fraqueza desse diário é que o portador precisa de muita concentração para realizar os comandos, ficando vulnerável. Morto pelo 4º.
  • Ocupação: Domesticador de cães
John Balks (Décimo Primeiro)
  • Diário "O Observador": Esse diário permite 'espiar' os outros diários, não importando qual seja, sua única fraqueza são os não portadores de diário. Morto por Yuno após a entrada dela no cofre.
  • Ocupação: Prefeito
Yomotsu Hirasaka (Décimo Segundo)
  • Diário da Justiça: Como o portador é cego, ele usa um Gravador de voz como diário. O diário da justiça mostrará a ele quais boas ações devem ser feitas no futuro. No passado, Hirasaka gravou cada um de seus bons atos em um diário. Depois de receber o diário do futuro, Hirasaka fica mais ativo em sua cruzada pela justiça. Omekata-kyou é um culto maligno. e então com seu martelo da justiça ele concluiu que a 6ª têm que ser erradicada. Apesar de ter acertado sobre Omekata-kyou ser maligno, na verdade ele é um simplório que aponta logo um dedo sem antes entender bem as coisas.
  • Ocupação: Herói

Mídia[editar | editar código-fonte]

Mangá[editar | editar código-fonte]

Escrito e ilustrado por Sakae Esuno, foi serializado pela Shōnen Ace entre 26 de janeiro de 2006 à 27 de dezembro de 2010, e foi compilado em 14 volumes publicados pela Kadokawa Shoten, incluindo os spin-offs. No dia 26 de julho de 2013 foi lançado pela revista Shōnen Ace o mangá Mirai Nikki Redial, que em três partes: A, B e C, conta a historia da Yuno do terceiro mundo.[6]

Spin-offs[editar | editar código-fonte]

Diário do Futuro é complementado por duas histórias paralelas, ambas igualmente escritas e ilustradas por Sakae Esuno. A primeira, Mirai Nikki: Mosaic, tem cinco capítulos e acontece ao mesmo tempo que o início da história principal, mas focaliza acontecimentos da história de outro portador do diário[7] . A segunda, Mirai Nikki: Paradox, também é contada em cinco capítulos, e se passa em uma linha temporal alternativa na qual alguns eventos decisivos se passam diferentemente no início da história[8] , e começou a ser publicada na nova revista Young Ace em julho de 2009, sendo encerrada em fevereiro de 2010. Nesta história o Primeiro e o Segundo Portadores de Diários são incapacitados e substituídos, com a intenção de recriar a linha temporal original.

Anime[editar | editar código-fonte]

Antes da estreia do anime um OVA/trailer foi previsto para ser lançado em 9 de setembro de 2010, mas acabou sendo adiado e lançado em 9 de dezembro de 2010. Uma adaptação de anime produzida pelo estúdio Asread e dirigida por Naoto Hosoda, começou a ser exibida a partir de 10 de outubro de 2011. O character design foram feitos por Eiji Hirayama e Watanabe Ruriko. Foi lançado um OVA do mangá Mirai Nikki Redial em julho de 2013, onde mostra os acontecimentos depois do final do jogo, onde a Yuno do terceiro mundo encontra o Yuki no mundo vazio. [9]

Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

Aberturas
  1. "Kuusou Mesorogiwi " por Yousei Teikoku
    • (Episódios 1-14)
  2. "Dead End " por Faylan
    • (Episódios 15-26)
  3. "Kyouki Chinden " por Yousei Teikoku
    • (Exclusiva do DVD)
Encerramentos
  1. "Blood Teller" por Faylan
    • (Episódios 1-14)
  2. "Filament" por Yousei Teikoku
    • (Episódios 15-26)
  3. "Happy End " por Faylan
    • (Exclusivo do DVD);

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre mangá e anime é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.