Missão sui iuris das Ilhas Caimã

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Missão sui iuris das Ilhas Caimã
Diœcesis
Localização
País Ilhas Cayman
Arquidiocese Metropolitana Arquidiocese de Kingston, na Jamaica
Estatísticas
População 58 548
Área 259 km²
Informação
Rito Romano
Criação da Diocese 28 de julho de 1934
Governo da Diocese
Bispo Allen Henry Vigneron
Jurisdição Missão sui iuris
Contactos

A missão sui iuris das Ilhas Caimã (em latim: Missio sui iuris iInsularum Caimanensium) é uma missão sui iuris de rito latino da Igreja Católica Romana no Caribe. A missão compreende a totalidade da dependência britânica das Ilhas Caimã. A missão é sufragânea da Arquidiocese de Kingston e um membro da Conferência Episcopal das Antilhas.

Eregida em 14 de julho de 2000 na Arquidiocese de Kingston, na Jamaica, a Missão é servida pelo arcebispo Allen Vigneron.

Líderes[editar | editar código-fonte]

Relação com Detroit[editar | editar código-fonte]

Em novembro de 2000, foi atribuída a responsabilidade pastoral desta Missão à Arquidiocese de Detroit, para a Igreja Católica das Ilhas Caimã[1] , que está sediada na paróquia de Santo Inácio em George Town e a igreja do Cristo Redentor, em West Bay[2] a Missão e a Arquidiocese estão relacionadas à pessoa do Arcebispo Ordinário da Missão, Vigneron, que é o atual arcebispo de Detroit.[3]

Referências

  1. St. Ignatius Parish, Grand Cayman. The Official Web Site for the Archdiocese of Detroit. Archdiocese of Detroit. Página visitada em 2011-03-16.
  2. Welcome to Saint Ignatius Parish in the Cayman Islands. www.saint-ignatius-cayman.org. Página visitada em 2011-03-16.
  3. Cayman Islands (Mission "Sui Iuris"). Catholic-Hierarchy. www.catholic-hierarchy.org. Página visitada em 2011-03-16.