Mitch Pileggi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mitch Pileggi
Nome completo Mitchell Craig Pileggi
Nascimento 5 de abril de 1952 (62 anos)
Portland, Oregon,
 Estados Unidos
Ocupação Ator
Cônjuge Debbie Andrews (1978–1984)
Arlene Warren (1997–presente)
Atividade 1982–presente
IMDb: (inglês) (português)

Mitchell Craig "Mitch" Pileggi (Portland, 5 de abril de 1952) é um ator norte-americano.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Mitch Pileggi atuou em vários filmes, de sucesso em pequenos papéis em filmes como Three O'Clock High (1987) como Duke Herman, um zeloso guarda de segurança da escola, apareceu em Return of the Living Dead Part II (1988), e também apareceu brevemente no filme Basic Instinct (1992) como um investigador na famosa e infame cena do interrogatório. Ele também teve um papel recorrente na série Stargate Atlantis como o coronel Steven Caldwell.

Entretanto, seu papel mais notável foi como o serial killer sobrenatural possuidor de corpos Horace Pinker no thriller cult Shocker (1989), do diretor Wes Craven. Seu personagem sobrevive a cadeira elétrica e transforma-se em uma energia maléfica que mata através da TV.

Finalmente alcançou a consagração internacional no papel do diretor-assistente do FBI, Walter Skinner, na série de televisão The X-Files, ele permaneceu com a série até seu fim na televisão em 2002. Pileggi é normalmente escalado para papéis de valentões, policiais antipáticos ou caras maus.

Atualmente faz do vilão Harris Ryland, uma das personagens principais de Dallas, a continuação da mítica série dos anos '70, '80 e '90.

Filmografia parcial[editar | editar código-fonte]

Séries de televisão[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.