Mithril

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Mithril é a chamada Prata dos Anões do mundo inventado por J. R. R. Tolkien. Nas obras deste autor, Mithril é um metal mais valioso do que o ouro. É valioso devido à sua raridade, ao seu brilho, ao peso incrivelmente leve e à resistência imensa. A sua cor é azulada.

Quando Frodo Bolseiro parte de Valfenda (Casa de Elrond) no início da aventura do Anel, o seu tio, Bilbo Bolseiro, oferece-lhe uma camisa de Mithril cravejada de esmeraldas. Segundo Gandalf, este artefato era mais valioso que o Condado inteiro.

Bilbo Bolseiro adquiriu a camisa de Mithril na sua aventura à Montanha Solitária onde teve vários encontros com Smaug. Foi do tesouro deste dragão que a cota de malha foi encontrada e dada ao hobbit pelos anões. O livro "O Hobbit" escrito por J. R. R. Tolkien e publicado em 1937 conta esta história.

"É resistente como aço, mas leve como pena." - Bilbo Bolseiro.

Em jogos de RPG[editar | editar código-fonte]

O nome mithril ou variações similares do nome (mithral, mythril, mítrio entre outros) está presente em outros mundos fictícios, principalmente em jogos de RPG, já que Tolkien Estate (o que gerencia a obra de Tolkien) não registrou o termo como trademark. Uma das primeiras obras a usar o termo é Dungeons & Dragons, particularmente Forgotten Realms. O termo aparece em vários jogos de computador e Video game, como exemplo:Aika Online 4Story Ragnarök Online, Gemstone IV, The Elder Scrolls II: Daggerfall and Time of Castles, IV: Oblivion, EverQuest, RuneScape, Dark Age of Camelot, Diablo, Lineage II, Dungeons and Dragons Online, Tales of Symphonia, World of Warcraft, Aion: The Tower of Eternity, Final Fantasy, Grand Fantasia (Grande Fantasia PT), Maplestory, Patapon, Star Ocean, Cabal Online, Harvest Moon, Runes of Magic, Kingdom Hearts, Grand Chase, Terraria, Ultima Online, Neverwinter Nights e Realm of the Mad God. É também encontrado em jogos para celular como no jogo Age of Sorcery, sendo o único metal para construção de armas e armaduras.

A Saul Zaentz Company possui o direitos de comercialização sobre a marca, além de outros direitos derivados dos nomes de lugares, personagens e coisas descritas no JRR Romances de Tolkien O Senhor dos Anéis e O Hobbit[1]

Desde 2003, o mithril foi a "inspiração para o projeto Mitral", uma "plataforma de pesquisa de última geração da MIT"[2]

É geralmente usado para designar um material muito resistente e valioso do jogo. É utilizado na forja das armaduras e das armas mais fortes. Também existem jogos que utilizam o Mithril como moeda ou dispositivo. A comunidade de desenvolvedores independentes que utilizam a ferramenta RPG Maker são frequentes utilizadores do termo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Middle-earth Enterprise.
  2. Frequently Asked Questions MIThril project. Massachusetts Institute of Technology. Página visitada em 2012-11-19.