Mitrídates

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


O nome Mitrídates ou Mitridates (em grego: Μιθριδάτης) é a forma grega do indo-ariano Mithra-Datt, que significa "alguém doado por Mitra". Mitra é o deus-sol indo-ariano e Datt (doado por) deriva do radical proto-indo-europeu da, "dar".

É o nome de um grande número de reis, soldados e estadistas na dinastia iraniana dos partos (ou arsácidas) e da realeza e nobreza da Anatólia.

Mitrídates, Mitradates ou Mithridates podem referir-se a:

Reis da Armênia[editar | editar código-fonte]

Reis do Bósforo[editar | editar código-fonte]

Reis de Cio[editar | editar código-fonte]

Reis da Ibéria (Cáucaso)[editar | editar código-fonte]

Reis da Pártia[editar | editar código-fonte]

Reis do Ponto[editar | editar código-fonte]

Outras pessoas[editar | editar código-fonte]

  • Mitrídates (soldado) (século V a.C.) — jovem soldado persa que, segundo Plutarco, matou acidentalmente o general e princípe persa Ciro, o Jovem na Batalha de Cunaxa
  • Eunuco do século VI a.C. que ajudou Artabano a matar Xerxes I da Pérsia
  • Personagem que lutou contra os gregos e foi antepassado dos reis de Ponto

Outros usos[editar | editar código-fonte]

  • Mitridatismo — prática de ingerir pequenas doses de um veneno para conseguir imunidade a ele
  • Nome de uma tragédia de Jean Racine
  • Designação antigamente comum para livros contendo amostras de várias línguas, pois diz-se que Mitrídates VI de Ponto falava mais de 25 línguas

Ver também[editar | editar código-fonte]