Moisey Markov

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Moisey Markov
Física
Nacionalidade União das Repúblicas Socialistas Soviéticas Soviético
Nascimento 13 de maio de 1908
Local Rasskazovo, Império Russo
Morte 1 de novembro de 1994 (86 anos)
Local Moscou, Rússia
Atividade
Campo(s) Física

Moisey Alexandrovich Markov (em russo: Моисей Александрович Марков; Rasskazovo, Império Russo, 13 de maio de 1908Moscou, Rússia, 1 de novembro de 1994) foi um físico soviético. Trabalhou principalmente com mecânica quântica, física nuclear e física de partículas.[1] É particularmente conhecido por ter proposto em 1960 a ideia de um detector de neutrinos submarino.

Moisey Markov obteve a graduação em 1930 na Faculdade de Física da Universidade Estatal de Moscou. Trabalhou no Instituto dos Professores Vermelhos (1931-1933) e na Faculdade de Física da Universidade Estatal de Moscou (1933-1934). Desde 1934 trabalhou no Instituto de Física Lebedev. Em 1956-1962 foi diretor do Laboratório de Física de Neutrinos do Institute for Nuclear Research.[1]

Markov foi membro pleno da Academia de Ciências da União Soviética desde 1966 (membro correspondente desde 1953). Em 1968-1988 foi secretário de Departamento de Física Nuclear da Academia de Ciências da União Soviética. Recebeu a Ordem de Lenin três vezes.

Referências

  1. a b Марков Моисей Александрович. Visitado em 4 de fevereiro de 2014.
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.