Moleiro-do-sul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaMoleiro-do-sul
Um moleiro-do-sul na Terra de Adélie.

Um moleiro-do-sul na Terra de Adélie.
Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante IUCN3.1
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Charadriiformes
Família: Stercorariidae
Género: Stercorarius
Espécie: S. maccormicki
Nome binomial
Stercorarius maccormicki
Saunders, 1893

O moleiro-do-sul ou mandrião-do-sul, Stercorarius maccormicki, é uma grande ave oceânica na família mandrião Stercorariidae. Um nome antigo para esta ave é moleiro-de-maccormick. Esta espécie e outros grandes moleiros do hemisfério sul, juntos com Moleiro-grande, são às vezes classificados em um gênero separado, chamado Catharacta.

Esta ave tem 53 cm de largura e se reproduz nas costas antárticas, geralmente colocando dois ovos em novembro e dezembro. Como os outros moleiros, ele voará na cabeça de um humano ou outro intruso que se aproximar de seu ninho. É uma ave que migra, passando o inverno nos oceanos Pacífico, Índico e Atlântico.

O Moleiro-do-sul come primariamente peixe, que freqüentemente obtém ao roubar gaivotas, andorinhas e até gansos de suas presas. Também ataca diretamente e mata outras aves oceânicas.

Seu nome é uma homenagem ao cirurgião naval Robert McCormick, que coletou um espécime do tipo.

Na cultura popular[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Moleiro-do-sul
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Moleiro-do-sul

Ligações externas[editar | editar código-fonte]