Monte Wutai

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pix.gif Monte Wutai *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

Wutai Shan temple grounds.jpg
País  China
Tipo Cultural
Critérios ii, iii, iv, vi
Referência 1279
Região** Ásia e Oceania
Coordenadas 39° 1' 50" N 113° 33' 48" E
Histórico de inscrição
Inscrição 2009  (33ª sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.
** Região, segundo a classificação pela UNESCO.

O Monte Wutai (chinês : 五台山 ; hanyu pinyin : wǔtáishān ; literalmente « monte dos cinco terraços») ou Wutai Shan é um dos quatro montes budistas da China. Seu ponto mais alto é o Pico Yedou, com 3058 metros. Localizado na província de Shanxi, a poucos quilômetros de uma das Cinco Montanhas sagradas da China: o Bei Heng Shan.

UNESCO[editar | editar código-fonte]

A UNESCO inscreveu o Monte Wutai como Patrimônio Mundial por "abrigar um enorme complexo do Templo Shuxiang, da Dinastia Ming com 500 estátuas representando histórias budistas com uma arquitetura que ajudou a desenvolver e influenciou as construções de palácios na China por mais de um milênio"[1]

Referências

  1. Mount Wutai. UNESCO World Heritage Centre - World Heritage List (whc.unesco.org). Em inglês ; em francês. Páginas visitadas em 21/11/2013.