Monteiro (Recife)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Monteiro
—  Bairro do Brasil  —
localização do bairro Monteiro no Recife
localização do bairro Monteiro no Recife
Unidade federativa Pernambuco
Município Recife
    • Densidade hab./km2 
Rendimento médio mensal R$ 2.040,26 (13º) (2000)
Fonte: Não disponível

Monteiro é um bairro do Recife, Pernambuco.

Pertence à terceira região político-administrativa da cidade (RPA3).

Faz limite com os bairros: Apipucos, Poço da Panela, Alto do Mandu e Casa Amarela.

História[editar | editar código-fonte]

As terras onde hoje se assenta o bairro do Monteiro fizeram parte do Engenho Várzea do Capibaribe, conhecido também como Engenho do Monteiro, cujo primeiro proprietário foi Pantaleão Monteiro, que o passou a sua filha Brásia Monteiro, casada com Domingos Bezerra Felpa de Barbuda, ficando por herança a seu filho Francisco Monteiro Bezerra, capitão na guerra contra os holandeses que foi aprisionado e deportado para a Holanda.[1]

O bairro nasceu do aparecimento de uma povoação, de clima aprazível, onde as famílias iam veranear e que no início do Século XIX serviu para residência de verão do governador Caetano Pinto de Miranda Montenegro.[2]

O bairro viveu seu apogeu em meados do século XIX, com plena efervescência de festa. Essa situação serviu como palco e citação no romance A emparedada da Rua Nova, de Carneiro Vilela:

Cquote1.svg A povoação do Monteiro, naquele ano de 1862, mostrava o aspecto brilhante de um arrabalde em plena efervescência de festa. As famílias mais gradas da cidade para ali haviam mudado a sua residência temporária e enchiam aquelas paragens com o ruído de suas alegrias, as alegrias dos seus divertimentos cordiais e repetidos. Primavam entre todas, a família Cavalcanti e, arrastada por ela, a de Jaime Novais. Josefina, estimulada pelo exemplo de sua amiga, atirava-se a todo o pano na vida elegante e ruidosa que levava a formosa senhora de Engenho.[2] Cquote2.svg

Demografia[editar | editar código-fonte]

Área Territorial: 56,8 ha.

População Residente: 4.738 habitantes

Densidade demográfica: 83,37 hab./ha.

Edificações[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. BEZERRA, Lauro Ramos; CAMPELLO, Adalis Bezerra. Memórias genealógicas das famílias Bezerra e Camello Pessoa. Recife: Edificantes, 2000.
  2. a b CAVALCANTI, Carlos Bezerra. O Recife e seus bairros. Recife: Câmara Municipal do Recife, 1998.