Monumentos Históricos de Mtscheta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pix.gif Monumentos Históricos de Mtscheta *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

Jvari 001.jpg
Mosteiro de Jvari
País  Geórgia
Critérios (iii)(iv)
Referência 708
Coordenadas 41° 50′ N 44° 42′ E(Mtscheta)[1]
Histórico de inscrição
Inscrição 1994 [1]   (? sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.

Os Monumentos Históricos de Mtscheta é o termo usado para designar um Património Mundial na Geórgia. O sítio consiste num grupo de igrejas antigas na região de Mtscheta, fantásticos exemplos de arquitectura medieval religiosa no Cáucaso. Estas igrejas mostram o alto nível artístico e de cultura obtido por este antigo reino.[1]

Algumas das igrejas[editar | editar código-fonte]

Mosteiro de Jvari[editar | editar código-fonte]

Frescos na entrada oeste da Grande Igreja

O Mosteiro ortodoxo de Jvari foi construido no século VI. O seu nome é traduzido como Mosteiro da Cruz.[2]

Uma pequena igreja foi eregida em 545 d.C. e foi-lhe posta o nome de "Pequena Igreja de Jvari". Uma segunda e maior igreja foi, com o nome de "Grande Igreja de Jvari", erguida entre 586 d.C. e 605 d.C.. Com o tempo a importância de Jvari cresceu e atraiu muitos peregrinos. A Grande Igreja de Jvari ainda é usada para grandes celebrações.[2]

Com o passar do tempo o mosteiro foi-se deteriorando por causa da erosão e pela manutenção inadequada.[2]

Catedral de Svetitskhoveli[editar | editar código-fonte]

A Catedral de Svetitskhoveli

A Catedral ortodoxa de Svetitskhoveli é conhecida por ser o local de enterro das vestes de Cristo. Há muito tempo que Svetitskhoveli é a principal igreja da Geórgia e ainda hoje é um venerado locais de adoração. É a segunda maior igreja do país, apenas atrás da Catedral da Santa Trindade, Tbilisi.

A igreja original foi construida no século IV d.C.. A catedral ficou muito danificada durante as invasões dos árabes, persas, de Tamerlão e, mais tarde, durante o período soviético. Foi também danificada por terramotos. A catedral foi restaurada durante 1970-71. A presente catedral foi construida no século XI.[3]

Galeria[editar | editar código-fonte]

Referências