Moravian Cemetery

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Moravian Cemetery (em português: Cemitério Moravian) é um cemitério localizado na Richmond Road, nº 2205, em New Dorp, Staten Island, no estado de Nova Iorque. É considerado o maior cemitério da ilha.

Inaugurado no ano de 1740, o cemitério situa-se no pé sudeste da serra Todt Hill.

História[editar | editar código-fonte]

No que já foi uma comunidade totalmente agrícola, o cemitério de 113 acres (457,000 m²) foi feito originalmente na tentativa de desencorajar famílias a enterrar os corpos nos campos da fazenda. O Moravian Cemetery é o cemitério de muitas pessoas nascidas na ilha, conhecidos como Staten Islanders, incluindo os membros da família Vanderbilt.

No século XIX, o comodoro Cornelius Vanderbilt deu ao cemitério uma área de 8½ acres (34,000 m²) e, mais tarde, seu filho William Henry Vanderbilt acabou doando mais 4 acres (16,000 m²), construindo ainda a residência do superintendente do cemitério. O mausoléu Vanderbilt, planejado por Richard Morris Hunt, e construído entre 18851886, é parte da seção privada da família dentro do cemitério. O mausoléu da família Vanderbilt é uma réplica da Igreja romanesca de Arles, na França. O jardim, em volta do mausoléu da família Vanderbilt, foi planejado por Frederick Law Olmsted. A seção da família Vanderbilt, onde encontra-se o belo mausoléu, não está aberto para o público, e, no momento, os atuais empregados são Tina Cerami, Donna Dottavio, Betty Pietrangelo, Kenneth DeRenzo, e Carmine Pampalone.

Em 2009, havia mais de 100,000 pessoas enterradas no cemitério. O Moravian Cemetery é considerado um dos 'Cemitérios Mais Bonitos dos Estados Unidos'.

Famosos enterrados no cemitério[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]