Moreilândia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Moreilândia
"Sítio Dos Moreiras, Terra do Mel"
Bandeira de Moreilândia
Brasão de Moreilândia
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 19 de maio
Fundação 10 de maio de 1957
Gentílico moreilandense
Prefeito(a) Jesus Felizardo de Sá (PRB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Moreilândia
Localização de Moreilândia em Pernambuco
Moreilândia está localizado em: Brasil
Moreilândia
Localização de Moreilândia no Brasil
7° 38' 0" S 39° 33' 33" W7° 38' 0" S 39° 33' 33" W
Unidade federativa  Pernambuco
Mesorregião Sertão Pernambucano IBGE/2008 [1]
Microrregião Araripina IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes a leste, Serrita, a oeste, Exu (Pernambuco); ao Sul, Granito (Pernambuco) e ao Norte Crato (Ceará)
Distância até a capital 516 km
Características geográficas
Área 637,599 km² [2]
População 11 245 hab. estatísticas IBGE/2014[3]
Densidade 17,64 hab./km²
Altitude 502,00 m
Clima semi-árido BShW
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,600 médio PNUD/2010 [4]
PIB R$ 57 545 mil IBGE/2012[5]
PIB per capita R$ 5 221 85 IBGE/2012[5]
Página oficial

Moreilândia é um município brasileiro do estado de Pernambuco. Administrativamente, o município é formado pelos distritos sede e Caririmirim.

História[editar | editar código-fonte]

Durante a grande seca de 1877, vários agricultores do Ceará deixaram suas terras em busca de locais onde houvesse água para consumo humano e dessedentação animal. Foi o caso de Claudiano Alves Moreira, que veio de Iguatu, no Ceará, com sua família e rebanho. Dirigia-se provavelmente ao vale do Rio São Francisco. Entretanto, ao atravessar o sertão pernambucano, encontrou uma região desocupada, pertencenta à paróquia de Granito (Pernambuco), onde as terras eram férteis. Ao cruzar um riacho, observou poços d'água, o que o fez supor a existência de água subterrânea acessível, o que foi confirmado. Estabeleceram-se no local e foram seus primeiros habitantes. Cultivaram um sítio de frutíferas, que se desenvolveu bem. Logo o local passou a ser chamado Sítio dos Moreira.

A região se prestava a atividades agro-pecuárias e foi se desenvolvendo a partir desta atividade. A primeira igreja foi construída por José Alves Lopes, dedicada a Santa Terezinha e concluída em 1930. A primeira feira livre ocorreu em 1935.

O distrito foi criado em 10 de Maio de 1957, desmembrado do distrito de Carimirim, subordinado ao município de Serrita. Pela lei estadual nº 4.965, de 20 de dezembro de 1963, foi constituído em município autônomo e foi instalado em 19 de Maio de 1964.

Conforme a lei orgânica municipal foi realizado, em 31 de maio de 1991, um plebiscito visando a mudança do nome do município. A lei municipal nº 84/91, homologou a vontade popular mudando o nome de Sítio dos Moreiras para Moreilândia.

Atualmente é constituído de 2 distritos: Moreilândia e Carimirim.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localiza-se a uma latitude 07º37'51" sul e a uma longitude 39º33'04" oeste, estando a uma altitude de 502 metros. Sua população estimada em 2004 era de 10 725 habitantes. Possui uma área de 638 km².

Anualmente, no dia 19 de maio Moreilândia comemora a sua emancipação política.

Relevo[editar | editar código-fonte]

O município de Moreilândia encontra-se inserido na unidade geoambiental dos Maciços e Serras Baixas, caracterizada por altitudes entre 300 a 800 metros. Uma porção de sua área está inserida na unidade geoambiental das Chapadas Altas.

Vegetação[editar | editar código-fonte]

A vegetação nativa é composta por floresta subperenifólia.

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

O município está inserido nos domínios da Bacia Hidrográfica do Rio Brígida. Tem como principais tributários são os riachos Gravatá, da Carnaúba ou Carrancudo, da Palha, das Lajinhas, do João Bento, Domiciano, Canta Galo, do Cariri Mirim, Novo, Genipapo, Cachoeiro, da Ingazeira, dos Cavalos e do Boi, todos de regime intermitente. Possui ainda água acumulada nas lagoas do Catol e Nova.

Fontes[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Estimativa Populacional 2014 Estimativa Populacional 2014 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (agosto de 2014). Visitado em 29 de agosto de 2014.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Visitado em 01 de outubro de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2012 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2014.
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Pernambuco é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.