Mortugaba

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Mortugaba
Bandeira de Mortugaba
Brasão de Mortugaba
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 30 de Novembro
Fundação 1961
Gentílico mortugabense
Prefeito(a) Rita de Cássia Cerqueira Dos Santos (PSDB)
(2009–2012)
Localização
Localização de Mortugaba
Localização de Mortugaba na Bahia
Mortugaba está localizado em: Brasil
Mortugaba
Localização de Mortugaba no Brasil
15° 01' 22" S 42° 22' 04" O15° 01' 22" S 42° 22' 04" O
Unidade federativa  Bahia
Mesorregião Centro-Sul Baiano IBGE/2008[1]
Microrregião Guanambi IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Jacaraci, Condeúba, Montezuma (Minas Gerais) e Espinosa (Minas Gerais)
Distância até a capital 743 km
Características geográficas
Área 670,608 km² [2]
População 12 482 hab. IBGE/2010[3]
Densidade 18,61 hab./km²
Altitude 348 m
Clima Semi-árido
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,618 médio PNUD/2010 [4]
PIB R$ 42 607,406 mil IBGE/2008[5]
PIB per capita R$ 2 936,82 IBGE/2008[5]
Página oficial

Mortugaba é um município brasileiro do estado da Bahia, distante cerca de 743 quilômetros da capital.

História[editar | editar código-fonte]

No começo do século XIX, teve início o povoamento do território, integrante do município de Jacaraci, por fazendeiros que ali se fixaram, desenvolvendo a agropecuária.

Em 1886, Balbino Coelho comprou o sítio Lagoa da Malva onde se estabeleceu com sua família, e dos irmãos Carvalho. Formou-se então o povoado de Boa Vista, em 1892. No mesmo ano, Júlio Carvalho instalou uma loja de tecidos, iniciando o comércio do povoado.

Em 1921 foi construída a capela de São José e, em 1930 a primeira escola pública.

O distrito foi criado com nome de "Tabajara" em 1938 pela lei nº 11.089. Em 1943, alterou-se o topônimo para Mortugaba.

O município, desmembrado do de Jacaraci, foi criado em 30 de novembro de 1961 pela lei nº 1.566. Teve como primeiro Prefeito o Sr. Israel Silva.

Origem do nome[editar | editar código-fonte]

O nome Mortugaba é de origem indígena Tupi, o vocábulo significa habitação do povo.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Sua população estimada em 2006 era de 12.373 habitantes. IBGE Situada no sudoeste da Bahia, sua economia gravita em torno da agropecuária e do comércio, um dos mais desenvolvidos da região. O que contrasta com o novo censo (2010), que indica um aumento praticamente nulo no número de habitantes, que não chegou a 12.500.

Administração[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Visitado em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Visitado em 5 dez. 2010.
  3. Censo Populacional 2010 Censo Populacional 2010 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (29 de novembro de 2010). Visitado em 11 de dezembro de 2010.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Visitado em 25 de agosto de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Visitado em 11 dez. 2010.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado da Bahia é um esboço relacionado ao WikiProjeto Nordeste do Brasil. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.