Veículo aquático pessoal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Mota de água)
Ir para: navegação, pesquisa
Jet ski

Um veículo aquático pessoal,[1] conhecido também por jet ski [djét squi],[2] [3] moto aquática[nota 1] [5] [6] (português brasileiro) ou mota de água (português europeu), é um meio de transporte aquático utilizado tanto em competições desportivas como para fins de lazer. O termo jet ski advém da marca registrada desenvolvida e fabricada pela Kawasaki Heavy Industries.[7]

Descrição[editar | editar código-fonte]

Geralmente, possui capacidade para duas ou três pessoas (existem modelos para quatro pessoas), com potência de até 310 HP. Provavelmente, o primeiro veículo com essas características foi desenvolvido pela Vincent Motorcycles Company de Stevenage, Inglaterra. Em 1955, foi produzido um modelo dotado de fibra de vidro, chamado de Amanda Water Scooter, desenvolvido por uma pequena indústria. Essas foram as primeiras embarcações a usar fibra de vidro em seu projeto para resolver problemas de peso e aerodinâmica. A companhia enfrentou problemas financeiros e encerrou suas atividades em 1955.

Competidor participando do campeonato alemão de corrida de jet ski

Denominação[editar | editar código-fonte]

Em fevereiro de 2012, a Kawasaki, fabricante das motos-aquáticas da marca "Jet ski", novamente reclamou publicamente na mídia sobre o uso indevido e genérico no Brasil desse termo para se referir a todas a outras motos aquáticas de marcas diversas. A partir de então, alguns veículos de mídia adotaram a prática politicamente correta de se referir a essa embarcação como "moto aquática"[5] ou "moto aquática pessoal"[8] .

Funcionamento[editar | editar código-fonte]

É uma pequena embarcação que não possui leme, sendo o direcionamento realizado através de jatos propulsores. Desse modo, só é possível virar quando há aceleração.[9]

Legislação[editar | editar código-fonte]

No Brasil, o condutor deve trajar colete salva-vidas, ter no mínimo 18 anos e habilitação (Carteira de Habilitação de Amador - CHA) na categoria de motonauta (MTA) da Marinha. A embarcação, por sua vez, tem de estar registrada numa capitania ou delegacia regional. Teoricamente, é proibido pilotar um jet ski a menos de 200 metros da praia, entretanto a fiscalização nas praias brasileiras não restringe a distância mínima.

Notas

  1. A forma com hífen, moto-aquática, também é utilizada.[4]
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Veículo aquático pessoal


Referências

  1. Comunicado importante a todos os veículos de comunicação
  2. De acordo com o dicionário Houaiss, um caso de marca registrada que passou a designar um produto genérico; termo já dicionarizado.
  3. Dicionário escolar da língua portuguesa/Academia Brasileira de Letras. 2ª edição. São Paulo. Companhia Editora Nacional. 2008. p. 757.
  4. Anais da Câmara dos Deputados, p. 20947, vol. 19, ed. 29. Centro de Documentação e Informação, 1993.
  5. a b Kawasaki reclama: Jet Ski é marca; o nome do veículo é moto aquática. Joel Leite, UOL Carros, 28 de fevereiro de 2012.
  6. Veja, edições 1-9, p. 54 e 55. Editora Abril, 1991.
  7. United States Patent and Trademark Office, Reg. No. 1394547
  8. Diferenças entre Wave Runner e jetSki
  9. Batida de jet-skis mata jovem no Guarujá (SP). Folha de São Paulo, 30 de dezembro de 2008 (visitado em 5-4-2010).