Motif

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Motif é a interface gráfica primária para o sistema operacional Unix e a GUI padrão da indústria, conforme a especificação IEEE 1295 (descrito também como Motif API para evitar ambigüidade). O padrão provê um ambiente padronizado para apresentação de aplicações em um vasta gama de plataformas. Na versão 2.1 o Motif suporta o padrão Unicode que permitiu que ele fosse usado em uma grande gama de ambientes multi-linguagem.

Motif é também um toolkit gráfico para construção de interfaces gráficas no sistema X Window no Unix ou qualquer outro sistema compatível com o POSIX. Ele surgiu na década de 1980 num momento de crescimento das estações de trabalho Unix, como um competidor do OpenLook. Como toolkit, Motif é usado como base para o Common Desktop Environment(CDE).

Motif é reconhecido pelo uso de formas bem delineadas, efeitos tridimensionais para vários elementos da interface — menus, botôes, sliders, caixas de texto e outros.

Muitos dizem que ele é obsoleto quando comparado com o GTK+ ou Qt. Porém, Motif ainda é utilizado em muitos sistemas de missão crítica, especialmente na indústria aeroespacial. Além disso, várias aplicações ainda o usam como toolkit.

O Motif foi criado pela Open Software Foundation (por isso ele é chamado muitas vezes de OSF/Motif) mas atualmente é propriedade da empresa The Open Group.

Existem poucas "implementações" da API Motif. O toolkit Motif foi o primeiro. Também há uma versão que pretende resgatar o Motif "original", o Open Motif, que possui uma licença mais liberal. Finalmente, o projeto LessTif está trabalhando na tarefa para desenvolver a API Motif sob a licença LGPL.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]