Muçulmanos (nacionalidade)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Muçulmanos como uma nacionalidade (Muslimani, Муслимани) foi o termo usado na República Federal da Jugoslávia para descrever os nativos eslavos muçulmanos. Segundo o censo de 1991, 1.905.000 pessoas (4,4% da população da ex-Jugoslávia) foram notificados da nacionalidade muçulmana.

Após a desintegração da Iugoslávia na década de 90, ea formação do Estado independente da Bósnia e Herzegovina, os muçulmanos da Bósnia veio a ser chamado de Bosníacos, e são uma nação historicamente reconhecido oficial. Também em outras partes do ex-Jugoslávia, ganhou outros nomes, tais como Gorani e pomatzi torbeshi. No entanto, ainda existem pessoas que preferem a declarar a nacionalidade muçulmana.