Mugil cephalus

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa


Como ler uma caixa taxonómicaCurimã
Mugil cephalus na província de Grosseto, na Toscana, na Itália

Mugil cephalus na província de Grosseto, na Toscana, na Itália
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Actinopterygii
Ordem: Mugiliformes
Família: Mugilidae
Género: Mugil
Espécie: P. cephalus
Nome binomial
Mugil cephalus
(Linnaeus, 1758)
Commons
O Commons possui imagens e outras mídias sobre Mugil cephalus
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Mugil cephalus

Mugil cephalus L., conhecida pelos nomes populares de curimã, tainhota, tapuji, tamatarana e urichoa, é uma espécie pequena de tainha. Mede entre 0,60 e 0,80 metros de comprimento[1] .

Etimologia[editar | editar código-fonte]

"Curimã" provém do tupi ku'rema[1] . "Tamatarana" vem da junção dos termos tupis tamua'tá (coridora) e rana (semelhante)[2] .

Semana Santa[editar | editar código-fonte]

No estado de Pernambuco, no Brasil, a espécie é criada em viveiros, sendo consumida especialmente na Semana Santa[1] .

Referências

  1. a b c FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. p.512
  2. FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1986. pp.1 644,1 645,1 449