Mungiki

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Dezembro de 2008).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

A seita dos Mungiki foi proibida em 2002 e alega ter mais de um milhão de membros. Os Mungiki promovem a circuncisão feminina e são acusados de ter degolado mais de uma dezena de pessoas na capital e outras partes do Quênia nos últimos três anos.

A seita dos Mungiki seria formada por militantes do maior grupo étnico do Quênia, os Kikuyu.

Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.