Mungiki

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou se(c)ção não cita fontes fiáveis e independentes (desde Dezembro de 2008). Por favor, adicione referências e insira-as no texto ou no rodapé, conforme o livro de estilo. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.

A seita dos Mungiki foi proibida em 2002 e alega ter mais de um milhão de membros. Os Mungiki promovem a circuncisão feminina e são acusados de ter degolado mais de uma dezena de pessoas na capital e outras partes do Quênia nos últimos três anos.

A seita dos Mungiki seria formada por militantes do maior grupo étnico do Quênia, os Kikuyu.

Ícone de esboço Este artigo sobre religião é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.