Museu de Arte Moderna (Nova Iorque)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
MoMa
Tipo Galeria de arte
Inauguração 7 de novembro de 1929 (84 anos)
Visitantes 2,5 milhões/ano
Diretor Glenn D. Lowry
(desde 1995)
Website www.moma.org
Geografia
Localidade Manhattan, Nova Iorque
 Estados Unidos

O Museu de Arte Moderna (Museum of Modern Art), mais conhecido como MoMA, é um museu da cidade de Nova Iorque, fundado no ano de 1929 como uma instituição educacional. Atualmente é um dos mais famosos e importantes museus de arte moderna do Mundo.

História do museu[editar | editar código-fonte]

Durante a década de 20, três importantes patronos de arte, Miss Lillie P. Bliss, Mr. Cornelius J. Sullivan, and Mr. John D. Rockefeller II, perceberam que em Nova Iorque havia carência de uma reviravolta nas políticas de conservação dos museus e no traço arquitetônico destes. Assim desencadeou-se uma instituição que dedica-se exclusivamente à arte moderna. Quando o MoMA foi , em 1929, fundado, o seu director era Alfred H. Barr. Alfred não queria somente uma instituição que mostrásse a arte moderna aos nova-iorquinos. Queria dedicar algum espaço às pessoas, novos artistas, que se dedicaram à mudança do visual artístico no seu tempo.

À abertura deste museu o público respondeu prontamente: em dez anos o MoMA tornou-se o museu mais em voga e, todos os dias, centenas de pessoas acorriam ao museu a fim de ver as «boas novas» das vanguardas. Após confirmar tanto sucesso Alfred Barr decidiu então dividir o museu em vários departamentos, os quais seriam comandados por outros directores, desta feita, especializados para o departamente. Daí apareceram os departamentos de Filmes e Vídeos, Fotografia, Pintura e Escultura, Desenhos e Imagens e livros ilustrados.

O museu teve, ao longo do tempo, várias ampliações. A maior, em 1984, foi levada a cabo por Cesar Pelli, que facilitou até o acesso aos visitantes do museu.

A coleção[editar | editar código-fonte]

A rica e variada colecção do MoMa constitui uma das maiores vistas panorâmicas sobre a arte moderna. Inicialmente o museu mantinha 8 pinturas e um desenho. Hoje conserva no edifício mais de 150.000 pinturas, esculturas, desenhos, modelos arquitecturais, imagens, fotografias e peças de design. Para além disso contém uma livraria e arquivo com cerca de 305.000 livros e ficheiros de mais de 70.000 artistas.

Peças de design do MoMA.

Artistas mais notáveis[editar | editar código-fonte]

Algumas obras[editar | editar código-fonte]

As obras que mais se destacam neste museu são:

Ver também[editar | editar código-fonte]

Galeria[editar | editar código-fonte]