Mushishi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mushishi
蟲師
Gênero Fantasia Histórica, Seinen
Mangá
Autor Yuki Urushibara
Editora(s) Japão Kodansha
Revista Afternoon
Data de publicação 1999 – 2008
Volumes 10
Anime
Mushishi
Direção Hiroshi Nagahama
Estúdio Artland
Exibição original 22 de Outubro de 2005 – 18 de Junho de 2006
Emissoras de TV Japão TV Fuji
Japão Animax
Japão BS Fuji
Emissoras lusófonas Brasil Animax Brasil
Nº de episódios 26 (Lista de episódios)
Anime
Mushishi: Zoku-Shou
Direção Hiroshi Nagahama
Estúdio Artland
Exibição original 4 de Abril de 2014– em exibição
Emissoras de TV Japão TV Fuji
Japão Animax
Japão BS Fuji
Nº de episódios 24 (Lista de episódios)
Projeto Animangá  · Portal Animangá

Mushishi ou Mushi-shi (蟲師?) é uma série de mangá criada por Yuki Urushibara e serializada na revista Afternoon.

Recebeu uma adaptação para anime pelo estúdio Artland. Dos 26 episódios produzidos, apenas 20 foram exibidos pela TV Fuji, enquanto o restante foi lançado nas compilações em DVD da série.

Mushishi também recebeu uma adaptação para filme live-action em 2007, com direção de Katsuhiro Otomo e estrelado por Joe Odagiri.

Resumo[editar | editar código-fonte]

A história apresenta criaturas onipresentes chamadas Mushi (? lit. Inseto) que frequentemente apresentam poderes sobrenaturais. Os mushis são descritos como seres em contato com a essência da vida na sua forma mais básica e pura. Devido à sua natureza efêmera, a maioria dos seres humanos são incapazes de perceber os mushis e são alheios à sua existência, mas há alguns que possuem a capacidade de ver e interagir com tais seres. Uma dessas pessoas é Ginko (ギンコ?), o personagem principal da série. Ele emprega-se como um "Mushishi" (termo dado a pessoas que estudam os mushis e desenvolvem formas de lidar com os mesmos) viajando de um lugar para outro a pesquisar mushis e ajudar pessoas que sofrem de problemas causados por eles. A série é uma antologia de episódios em que os únicos elementos em comum entre os episódios são Ginko e os vários tipos de mushi. Não há excesso de arqueamento da trama.

Personagens[editar | editar código-fonte]

Devido à natureza episódica da série, há muito poucos personagens recorrentes, bem como a lista de atores de voz é bastante morosa. Ginko é dublado em sua língua original por Yuto Nakano.

Ginko é incomum, de cabelos brancos e cor dos olhos verdes, resultado de um incidente que ocorreu quando ele era criança. Nenhuma explicação é fornecida no contexto da história a respeito de por que suas roupas mais modernas não parecem corresponder ao período de tempo refletido por todos os outros personagens, embora a autora tenha explicado que é um artefato de design de personagens do cenário inicialmente previsto nos tempos modernos. Ginko é um tipo raro de pessoa que atrai mushis. Esse fato inspira seu estilo de vida itinerante, pois se permanecer em um lugar por muito tempo vai reunir uma quantidade potencialmente perigosa de mushis. Ele também fuma um cigarro especial constantemente, que produz uma fumaça que mantém mushis a distância. Em termos de personalidade, Ginko é bastante descontraído. No entanto, ele pode ser muito sério quando se trata de proteger as pessoas de mushis. Ele também salienta que muitas vezes os mushis não são maus, mas apenas tentando sobreviver como todo mundo.

Outros personagens recorrentes são Adashino, que aparece nos episódios 5, 10, e 18 da primeira temporada; Tanyuu e a governanta Tama, que aparecem no episódio 20 da primeira temporada, no capítulo especial e nos episódios 11 e 12 da segunda temporada; e Isaza, que aparece no episódio 26 da primeira temporada, brevemente no capítulo especial, e também no episódio 1 da segunda temporada. Demais personagens de cada história da primeira temporada podem ser vistos durante a sequência do eclipse no capítulo especial. Nui, que aparece no episódio 12, é também a voz que narra algumas das linhas de abertura e fechamento características de cada episódio.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]