Mustelídeos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaMustelidae
Loutre des pyrenees baronnies 2004.jpg

Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Mammalia
Ordem: Carnivora
Subordem: Caniformia
Infraordem: Arctoidea
Parvordem: Mustelida
Superfamília: Musteloidea
Família: Mustelidae
Géneros
Ver texto
Wikispecies
O Wikispecies tem informações sobre: Mustelídeos

Os mustelídeos (latim científico: Mustelidae) constituem uma família de mamíferos da ordem dos carnívoros, bastante diversificada e com ampla distribuição geográfica. O grupo tem representantes em todos os continentes, à exceção da Oceania, e ocupa habitats diversificados como os litorais costeiros, zonas montanhosas, o Rio Amazonas ou a tundra siberiana. Os mustelídeos são animais de pequeno a médio porte, desde a doninha anã do tamanho de um rato ao glutão de cerca de 25 kg, conhecido pela agressividade. O grupo inclui animais bem conhecidos como as lontras, os texugos e as doninhas.

Os mustelídeos têm tipicamente patas curtas, corpo alongado e uma cauda mais ou menos comprida. As orelhas são normalmente arredondadas e o focinho é afilado. Uma das características mais marcantes do grupo é a sua pelagem espessa de coloração e texturas variadas, de grande qualidade para efeitos de fabricação de vestuário. Esta qualidade fomentou a caça indiscriminada aos mustelídeos com o objetivo de lhes retirar a pele. O vison marinho, que vivia na costa leste da América do Norte, extinguiu-se em 1894 devido a caça exaustiva. Outras espécies como o vison ou o arminho foram também muito perseguidas. Hoje em dia a caça é controlada, mas a procura de peles de mustelídeo pela indústria da moda não baixou. Em vez disso, estes animais são hoje em dia criados em cativeiro, em quintas especializadas para a produção de peles. As condições em que os animais vivem são, em muitos casos, bastante precárias e as organizações de direitos dos animais têm vindo a lutar contra o fenômeno. Para além de campanhas publicitárias contra o uso de peles, uma das ações preferidas dos ativistas é a invasão das quintas e libertação dos animais. Esta atividade tem provocado a expansão geográfica de várias espécies, nomeadamente o vison nativo da América do Norte, para a Europa e América do Sul. Em contrapartida, à medida que o vison prolifera graças às fugas do cativeiro, a doninha-europeia tem vindo a declinar por não ser capaz de competir no mesmo nicho ecológico com a espécie americana.

Taxonomia da família Mustelidae Fischer von Waldheim, 1817[editar | editar código-fonte]

A lista não é exaustiva, no total existem 55 espécies de mustelídeos divididas em 24 gêneros.

Subfamília incerta[editar | editar código-fonte]

  • Paragale
    • Paragale huerzeleri - Mioceno Inferior, Aquitaniano (MN 2a), Montaigu-le-Blin, França.
  • Plesiogale
    • Plesiogale angustifrons - Mioceno Inferior, Aquitaniano (MN 2a), Montaigu-le-Blin, França
    • Plesiogale postfelina - Mioceno Inferior, Burdigaliano (MN 3), Wintershof-West, Alemanha

Subfamília Oligobuninae Baskin, 1998[editar | editar código-fonte]

  • Promartes
    • Promartes olcotti † - Mioceno Inferior, Hemingfordiano, EUA
  • Oligobunis
    • Oligobunis crassivultus † - Oligoceno Superior, Arikareeano, John Day Formation, EUA
  • Aelurocyon
  • Megalictis
    • Megalictis ferox† - Mioceno Inferior, Hemingfordiano, Marsland Formation, EUA.
  • Zodiolestes
    • Zodiolestes daemonelixensis † - Oligoceno Superior, Arikareeano, Harrison Formation, EUA.
  • Brachypsalis
  • Potamotherium Geoffroy, 1833 †
  • Potamotherium miocenicum Peters, 1868 †

Subfamília Leptarctinae Gazin, 1936[editar | editar código-fonte]

  • Leptarctus Leidy, 1856 †
    • Leptarctus neimenguensis - Mioceno Médio, Tunggur, Nei Mongol, China
  • Trocharion Forsyth Major, 1903 †
    • Trocharion albanense F. Major, 1903 - La Grive Saint-Alban, França; Valles Pénédes, Espanha; Steinheim, Alemanha
  • Craterogale Gazin, 1936 †
  • Hypsoparia Dorr, 1954 †
  • Schultzogale Lim & Martin, 2000 †
    • Schultzogale inexpecta Lim & Martin, 2000 - Hemingfordiano, Formação Runningwater, Nebraska, EUA.
  • Kinometaxia Wang, Qiu & Wang, 2004 †
  • Kinometaxia guangpui Wang, Qiu & Wang, 2004 - Mioceno Inferior, Formação Tiejianggou, Gansu, China.
  • Trochotherium Fraas, 1870
    • Trochotherium cyamoides Fraas, 1870
  • Gaillardina Ginsburg, 1999
    • Gailhardina transitoria Gaillard, 1899 - Mioceno Médio (MN 7-8), La Grive Saint-Alban, França

Subfamília Lutrinae[editar | editar código-fonte]

Inclui as lontras e ariranhas. Dividem-se 7 gêneros e 13 espécies atuais.

  • Amblonyx
  • Aonyx
  • Enhydra
  • Lontra
  • Lutra
  • Lutrogale
  • Pteronura

Subfamília Melinae[editar | editar código-fonte]

(Texugos)

Subfamília Mellivorinae Gill, 1872[editar | editar código-fonte]

  • Eomellivora Zdansky, 1924
    • Eomellivora wimani Zdansky
    • Eomellivora tugenensis Morales & Pickford, 2005 - Mioceno Médio, Ngorora, Quênia
  • Mellivora - ratel

Subfamília Taxideinae[editar | editar código-fonte]

Subfamília Mustelinae[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Wang, X., M. C., McKenna & Dashzeveg, D. (2005) - Amphicticeps and Amphicynodon (Arctoidea, Carnivora) from Hsanda Gol Formation, Central Mongolia and Phylogeny of Basal Arctoids with Comments on Zoogeography. American Museum Novitates, Number 3483, 57 pgs.
  • Bonis, L. de (2005) — Carnivora (Mammalia) from the late Miocene of Akkaşdağı, Turkey, in Sen S. (ed.), Geology, mammals and environments at Akkaşdağı, late Miocene of Central Anatolia. Geodiversitas 27 (4) : 567-589.
  • Wang, X., Qiu, Z. & Wang, B. (2004) - A new leptarctine (Carnivora: Mustelidae) from the early Miocene of the northern Tibetan Plateau: implications for the phylogeny and zoogeography of basal mustelids. Zoological Journal of the Linnean Society, 2004,142, 405–421.
  • Marmi, J., López-Giráldez, J.F. & Domingo-Roura, X. (2004) - Phylogeny, evolutionary history and taxonomy of the Mustelidae based on sequences of the cytochrome b gene and a complex repetitive flanking region. Zoologica Scripta 33 (6), 481–499.
  • Hunt, R. M. & Skolnick, R. (1996) - The giant mustelid Megalictis from the early Miocene carnivore dens at Agate Fossil Beds National Monument, Nebraska; earliest evidence of dimorphism in New World Mustelidae (Carnivora, Mammalia). Rocky Mountain Geology, Dec 1996; 31: 35 - 48.

Lista de Mustelídeos[editar | editar código-fonte]