Myracrodruon urundeuva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaUrundeúva
Aroeira arvore.jpg

Estado de conservação
Status none DD.svgDados insuficientes
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Anthophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Sapindales
Família: Anacardiaceae
Género: Myracrodruon
Espécie: M. urundeuva
Nome binomial
Myracrodruon urundeuva
(Allemão) Engl.
Sinónimos
Astronium juglandifolium Griseb.

Astronium urundeuva (Fr.All.) Engl.

A urundeúva (Myracrodruon urundeuva, classificada anteriormente como Astronium juglandifolium e Astronium urundeuva) é também conhecida como aroeira, aroeira-preta, aroeira-do-sertão, uriunduba[1] , aroeira-do-campo e aroeira-da-serra. A lista vermelha de espécies ameaçadas da União Internacional para a Conservação da Natureza e dos Recursos Naturais a cita como Astronium urundeuva. No estado de São Paulo, no Brasil, ocorre em ecótonos com vegetação de cerrado na floresta estacional semidecidual do noroeste e na decidual de transição, estando na lista oficial das espécies ameaçadas, na categoria VU (vulnerável).[2] Suas flores são insignificantes, se reunindo em grandes inflorescências. Seu fruto é uma pequena noz, encimada por um cálice que se parece com um paraquedas[1] .

É nativa da caatinga e do cerrado, desde o estado do Ceará até o estado do Paraná, no Brasil. Encontrada também na Argentina, Paraguai e Bolívia. Embora os dados sejam insuficientes, a urundeúva é superexplorada devido a sua madeira resistente e agrupamentos dessa árvore, que antigamente era dominante na caatinga, estão desaparecendo. A madeira da urundeúva contém tanino, é pardo-avermelhada, dura e imputrescível, própria para ser usada em obras externas[1] , como dormentes de linhas férreas, postes e na construção civil.

Referências

  1. a b c FERREIRA, A. B. H. Novo Dicionário da Língua Portuguesa. Segunda edição. Rio de Janeiro:Nova Fronteira, 1986. pp.1 743,1 744
  2. Instituto de Botânica de São Paulo: espécies ameaçadas de extinção

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • Árvores brasileiras Fotos de urundeúva e outras aroeiras, por Harri Lorenzi, no site do Comando de Policiamento Ambiental da Polícia Militar do Estado de São Paulo.