N-I (foguete)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Foguete N-I

O N-I, ou N-1 foi um foguete derivado do estadunidense Delta, produzido sob licença no Japão. Era usado uma primeiro estágio o Thor-ELT, a Mitsubishi Heavy Industries concebido o motor LE-3 que foi usado como segundo estágio,[1] [2] [3] e três C astor MRE.[4] [5] Foram lançados sete foguetes N-I entre 1975 a 1982, antes de ter sido substituída pela N-II. Seis dos sete lançamentos foram bem sucedidos, no entanto, no quinto voo, houve uma falha entre o satélite e a terceira fase, o que causou a perda do satélite.

Em 29 de fevereiro de 1976, o segundo N-I conduzido o único lançamento orbital há ocorrer em um dia bissexto (antes do ano de 2008).

Histórico de lançamento[editar | editar código-fonte]

Data/Hora (GMT) S/N Carga Órbita Observações
09 de setembro de 1975, 05:30[6] 1(F) ETS-I (JETS-1/Kiku-1) LEO
29 de fevereiro de 1976, 03:30[6] 2(F) ISS-1 (JISS-1/Ume-1) LEO
23 de fevereiro de 1977, 08:50[6] 3(F) ETS-II (Kiku-2) GTO Foi usado terceiro estágio
15 de fevereiro de 1978, 04:00[6] 4(F) ISS-2 (JISS-2/Ume-2) LEO
06 de fevereiro de 1979, 08:46[6] 5(F) ECS-A (Ayame 1) GTO Foi usado terceiro estágio
Falha entre o satélite e o estágio superior.
22 de fevereiro de 1980, 08:35[6] 6(F) ECS-B (Ayame 2) GTO Foi usado terceiro estágio
03 de setembro de 1982, 05:00[6] 9(F) ETS-III (Kiku-4) LEO

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. N-Iロケット開発の歩み Yukihiko Takenaka, NASDA. Visitado em 10 February 2011.
  2. 三菱重工 名古屋誘導推進システム製作所 事業所紹介 沿革 Mitsubishi Heavy Industries. Visitado em 10 February 2011.
  3. 第1部 創造性豊かな科学技術を求めて 第2章 自主技術開発への展開 第3節 先導的・基盤的科学技術分野における自主技術開発の展開 2.宇宙開発 Ministry of Education, Culture, Sports, Science and Technology. Visitado em 10 February 2011.
  4. JAXA Digital Archives Japan Aerospace Exploration Agency. Visitado em 1 October 2009.
  5. Krebs, Gunter. N-1 Gunter's Space Page. Visitado em 31 August 2008.
  6. a b c d e f g McDowell, Jonathan. Thor Orbital and Suborbital Launch Database Jonathan's Space Report. Visitado em 31 August 2008.