Novo Basquete Brasil de 2013-14

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de NBB 2013-14)
Ir para: navegação, pesquisa
Evento (d)esportivo atual
Este artigo ou seção é sobre um evento (d)esportivo atual.
A informação apresentada poderá mudar rapidamente. Editado pela última vez em 15 de abril de 2014.
NBB 2013–14
{{{PAGENAME}}}
Campeonato Novo Basquete Brasil
Esporte Basquetebol
Duração 9 de novembro de 2013 - junho de 2014
Número de times 17
Parceiro(s) de TV
Temporada Regular
Campeão Rio de Janeiro Flamengo
Playoffs
Temporadas NBB
2014-15 →

O Novo Basquete Brasil de 2013-14 é uma competição brasileira de basquete organizada pela Liga Nacional de Basquete. É a sexta edição do campeonato organizado pela LNB, com a chancela da Confederação Brasileira de Basketball. Este torneio, é totalmente organizado pelos clubes participantes. O NBB serve como competição classificatória para torneios internacionais, como a Liga das Américas a Liga Sul-Americana de Basquete e o Torneio InterLigas de Basquetebol.

Regulamento[editar | editar código-fonte]

A temporada 2013-14 se iniciará em novembro de 2013, com a forma de disputa seguindo um modelo semelhante ao adotado pela NBA e pelos países da Europa. A competição seria disputada, a princípio, com 16 equipes, no entanto, a LNB integrou Goiânia[1] ao torneio, mediante regulamento que permite que a entidade convide clubes que possam contribuir com o desenvolvimento da competição. Os 17 jogarão entre si, em turno e returno na fase de classificação. Ao final dos dois turnos, as quatro melhores equipes se classificam para a segunda fase automaticamente, já as equipes que terminarem entre o 5° e o 12° lugar vão participar dos playoffs classificatórios para definir as outras quatro equipes na segunda fase, as oitavas-de-final em melhor de cinco partidas, avança para a próxima fase quem vencer três jogos.

Os dois últimos colocados na fase de classificação serão rebaixados para a Liga Ouro de 2015 e as duas melhores equipes da Liga Ouro de 2014 irão participar da próxima temporada (2014-15) do NBB.

Participantes[editar | editar código-fonte]

Equipe Cidade Estado Em 2012-13 Ginásio Capacidade Títulos
Basquete Cearense Fortaleza Ceará CE Ginásio Paulo Sarasate 17 000 0 (não possui)
Bauru Bauru São Paulo SP Ginásio Panela de Pressão 3 000 0 (não possui)
Brasília Brasília Distrito Federal (Brasil) DF Ginásio Nilson Nelson 18 000 3 (2009-10, 2010-11, 2011-12)
Espírito Santo Vila Velha Espírito Santo (estado) ES 16º Ginásio Tartarugão 3 500 0 (não possui)
Flamengo Rio de Janeiro Rio de Janeiro RJ HSBC Arena 18 000 2 (2009, 2012-13)
Franca Franca São Paulo SP Ginásio Pedrocão 8 500 0 (não possui)
Goiânia Goiânia Goiás GO (Convidado pela LNB) Goiânia Arena 11 333 0 (não possui)
Liga Sorocabana Sorocaba São Paulo SP 12º Ginásio Gualberto Moreira 2 000 0 (não possui)
Limeira Limeira São Paulo SP 11º Ginásio Vô Lucato 1 800 0 (não possui)
Macaé Macaé Rio de Janeiro RJ (Torneio de Acesso ao NBB) Ginásio Juquinha 2 000 0 (não possui)
Minas Belo Horizonte Minas Gerais MG 10º Arena Vivo 4 000 0 (não possui)
Mogi das Cruzes Mogi das Cruzes São Paulo SP 15º Ginásio Professor Hugo Ramos 5 000 0 (não possui)
Palmeiras São Paulo São Paulo SP 13º Ginásio Palestra Itália 1 500 0 (não possui)
Paulistano São Paulo São Paulo SP Ginásio Antônio Prado Junior 1 500 0 (não possui)
Pinheiros São Paulo São Paulo SP Poliesportivo Henrique Villaboim 824 0 (não possui)
São José São José dos Campos São Paulo SP Ginásio Lineu de Moura 2 620 0 (não possui)
Uberlândia Uberlândia Minas Gerais MG Ginásio Sabiazinho 8 000 0 (não possui)

Mudanças de Treinador[editar | editar código-fonte]

Time Treinador afastado Forma de saída Substituído por Data de nomeação
Brasília Brasil José Carlos Vidal Mudança de cargo Argentina Sérgio Hernandez 15 de Maio, 2013 [2]
Minas Brasil Raul Togni Filho Despedido Argentina Carlos Romano 29 de Maio, 2013 [3]
Palmeiras Espanha Arturo Alvarez Fim de contrato Brasil Ênio Vecchi 3 de Junho, 2013 [4]
São José Brasil Régis Marrelli Despedido Brasil Edvar Simões 11 de Novembro, 2013 [5]
Palmeiras Brasil Ênio Vecchi Mudança de cargo Brasil Hebert Coimbra 3 de Dezembro, 2013 [6]
Uberlândia Brasil Hélio Rubens Despedido Brasil João Batista Guia 10 de Janeiro, 2014 [7]
Espírito Santo Brasil João Batista Guia Troca de time Brasil Ênio Vecchi 20 de Janeiro, 2014 [8]
São José Brasil Edvar Simões Mudança de cargo Brasil Zanon 22 de Janeiro, 2014 [9]
Uberlândia Brasil João Batista Guia Despedido Brasil Brasília 31 de Março, 2014 [10]

Primeira Fase[editar | editar código-fonte]

Classificação[editar | editar código-fonte]

Pos Times % Pts J V D PF PS PA Classificação ou rebaixamento
1 Rio de Janeiro Flamengo 81,3 58 32 26 6 2712 2433 1,12 Classificado para a Fase Final
2 São Paulo Paulistano 71,9 55 32 23 9 2684 2500 1,07
3 Distrito Federal (Brasil) Brasília 65,6 53 32 21 11 2770 2491 1,11
4 São Paulo Limeira 65,6 53 32 21 11 2498 2350 1,06
5 São Paulo Pinheiros 62,5 52 32 20 12 2664 2598 1,03 Classificado para os Playoffs
6 São Paulo São José 59,4 51 32 19 13 2643 2607 1,01
7 Minas Gerais Uberlândia 59,4 51 32 19 13 2647 2564 1,03
8 São Paulo Bauru 56,3 50 32 18 14 2642 2602 1,02
9 Ceará Basquete Cearense 46,9 47 32 15 17 2472 2529 0,98
10 São Paulo Franca 46,9 47 32 15 17 2565 2513 1,02
11 São Paulo Palmeiras 46,9 47 32 15 17 2551 2583 0,99
12 São Paulo Mogi das Cruzes 43,8 46 32 14 18 2591 2527 1,03
13 Rio de Janeiro Macaé 40,6 45 32 13 19 2570 2605 0,99
14 São Paulo Liga Sorocabana 31,3 42 32 10 22 2429 2696 0,90
15 Minas Gerais Minas 31,3 42 32 10 22 2255 2404 0,90
16 Goiás Goiânia 28,1 41 32 9 23 2471 2643 0,94 Rebaixado para a Liga Ouro de 2015
17 Espírito Santo (estado) Espírito Santo 12,5 36 32 4 28 2255 2774 0,81

Confrontos[editar | editar código-fonte]

BCE BAU BRA ESP FLA FRA GOI LSB LIM MAC MIN MOG PAL PAU PIN SJO UBE
Basquete Cearense 84–80 88–77 78–60 81–88 80–65 102–85 92–87 73–64 78-75 60–71 71–69 70–69 54–77 94–97 74-64 86–96
Bauru 83–77 93-85 79–74 94–96 87–72 85-78 110–93 71–90 90–86 76–69 91-79 74–78 77–90 91–97 78–76 74–76
Brasília 88–75 82–72 98–73 79–81 87–72 91–82 102-65 82–67 96–71 82–54 78–85 71–77 100-77 84–82 90-91 84–75
Espírito Santo 82–74 85–88 66-110 60–77 61-85 51-65 70-81 84–99 65–89 68–67 70–73 90–95 84-99 50–97 86–79 70-79
Flamengo 72–69 85-66 84–82 90–73 92–89 83–69 95–72 81-71 79–69 90–59 92–76 84–76 80–58 71–80 59–81 82-77
Franca 73–61 77-76 75–70 106-82 70–80 61–63 80–73 81-82 82–68 84-65 74–78 95–62 83–84 94–74 91–82 92–75
Goiânia 75–63 83–87 72–101 82–83 74–95 83–78 92-0 65–67 66–72 53–62 64–78 81–77 74–76 74–88 100-85 75–94
Liga Sorocabana 92–83 72–85 83–84 75–67 79–98 79–88 96–98 74–76 73–54 79–76 81–79 79-84 60-82 82-76 73–80 74–87
Limeira 99-85 79–86 74-70 83–53 67–88 64–80 91-83 69–71 76–74 74–66 81-67 93–81 87–78 72–79 81–73 69–81
Macaé 80–74 98-94 78–91 85–67 103-95 95-80 84–79 91–67 62-76 85–69 79–74 101–93 68–80 77–80 82–85 72–65
Minas 79–81 71–77 62-71 73–62 84–66 59–65 75-74 75–77 64–62 67–65 94–93 85–75 75-65 66–75 87–90 83–91
Mogi das Cruzes 96-74 75–74 85–90 94–76 94–90 90–52 82–76 89–61 67–78 86-77 70–60 89–69 66–79 80–88 90-91 71–73
Palmeiras 69–85 87–84 82–94 103–64 71–84 89–84 86–63 69–71 67–85 92–85 63–57 98–91 75–68 90–73 92–74 68–64
Paulistano 94–79 87–66 96–74 96–61 67–98 96–86 95–93 96–70 56–72 110–93 80–66 93–89 76-67 100-81 92–93 90–79
Pinheiros 93–73 73–81 82–110 96–66 74–62 96–87 90–78 95–65 53–91 82–78 90–82 84–82 98–91 91–93 77–95 76–84
São José 54–71 78–88 77–87 88–72 74–94 86-77 82–75 87–72 76–82 96–88 79–72 90–78 92-79 79–73 79-70 83-85
Uberlândia 76–83 70-85 95–81 91-80 95–101 94–87 93–97 87–63 79-77 98–86 82-61 79–76 79–77 80–81 76–77 92–104

Playoffs[editar | editar código-fonte]

Fase Classificatória[editar | editar código-fonte]

Time 1 Séries Time 2 1º Jogo 2º Jogo 3º Jogo 4º Jogo 5º Jogo
Pinheiros São Paulo 1–1 São Paulo Mogi das Cruzes 85–82 77–90 - - -
São José São Paulo 2–1 São Paulo Palmeiras 78–77 80–70 68–85 - -
Uberlândia Minas Gerais 2–2 São Paulo Franca 61–68 69-67 92–61 74-82 -
Bauru São Paulo 3–0 Ceará Basquete Cearense 79–56 97–78 79-78 - -

Chave[editar | editar código-fonte]

  Fase Classificatória
(Melhor-de-5)
Quartas-de-Final
(Melhor-de-5)
Semi-Finais
(Melhor-de-5)
Final
(Jogo Único)
      
         1  Rio de Janeiro Flamengo -  
8  São Paulo Bauru 3     8  São Paulo Bauru -  
9  Ceará Basquete Cearense 0       -  - -  
           -  - -  
         4  São Paulo Limeira -  
5  São Paulo Pinheiros -     -  - -  
12  São Paulo Mogi das Cruzes -       -  - -
           -  - -
         2  São Paulo Paulistano -  
7  Minas Gerais Uberlândia -     -  - -  
10  São Paulo Franca -       -  - -  
           -  - -  
         3  Distrito Federal (Brasil) Brasília -       
6  São Paulo São José -     -  - -       
11  São Paulo Palmeiras -  

Negrito - Vencedor das séries
itálico - Time com vantagem de mando de quadra

Final[editar | editar código-fonte]

Jogo Único
A definir Vencedor SF 1 Flag of None.svg Flag of None.svg Vencedor SF 2    A definir

Premiação[editar | editar código-fonte]

Novo Basquete Brasil de 2013-14
Brasil
A definir
Campeão
(? título)

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Líderes em estatísticas individuais[editar | editar código-fonte]

Categoria Jogador Time Estatísticas/Pontos1[›]
Pontos por jogo Shamell Stallworth Pinheiros 21.03
Rebotes por jogo Jefferson William São José2[›] 9.47
Assistências por jogo Valtinho Uberlândia 7.28
Roubos por jogo Maxi Stanic Palmeiras 2.13
Tocos por jogo Morro Pinheiros2[›] 1.46
Erros por jogo Quezada São José 3.47
Minutos por jogo Andre Laws São José 35.91
Faltas por jogo Marcão Palmeiras2[›] 3.65
Eficiência por jogo Paulo Prestes Franca 22.47
2P% Jerome Meyinsse Flamengo .681
LL% David Jackson Limeira .9233[›]
3P% Márcio Bauru .5243[›]
Duplos-Duplos Jefferson William São José 16
Triplos-Duplos Valtinho Uberlândia 1
Larry Taylor Bauru

Fonte: Estatísticas Totais - NBB

^ 1: Para ser considerado nas estatísticas, um jogador deve ter participado de no mínimo 25 dos 34 jogos de temporada regular do NBB.
^ 2: Foi usado como critério de desempate para as estatísticas empatadas os minutos em quadra do jogador, o jogador com menos minutos venceu.
^ 3: Para LL% e 3P%, além do critério dos 25 jogos, era necessário o jogador ter uma média de ao menos 1 (um) arremesso certo por partida, nos respectivos critérios
^ 4: Não ocorreram Triplos-Duplos na Temporada Regular

Recordes por jogo[editar | editar código-fonte]

Categoria Jogador Time Média por Jogo
Pontos Edward Nelson São José 39
Rebotes Paulão Prestes Franca 21
Assistências Maxi Stanic Palmeiras 15
Roubos Jefferson Campos Mogi das Cruzes 7
Desmond Holloway Paulistano
Felipe Basquete Cearense
Tocos Morro Pinheiros 8
Bolas de Tres pontos Shamell Stallworth Pinheiros 9

Jogadores da Semana[editar | editar código-fonte]

Os seguintes jogadores foram nomeados os Jogadores da Semana das Conferências Leste e Oeste.

Semana Jogador Ref.
9 Nov. – 16 Nov. Jefferson Willian (São José) [11]
21 Nov. – 23 Nov. David Jackson (Limeira) [12]
28 Nov. – 30 Nov. Shamell Stallworth (Pinheiros) [13]
3 Dez. – 7 Dez. Lucas Cipolini (Uberlândia) [14]
9 Dez.. – 14 Dez. Pilar (Paulistano) [15]
16 Dez. – 21 Dez. Emílio Taboada (Goiânia) [16]
5 Jan. – 11 Jan. Shamell Stallworth (Pinheiros) [17]
13 Jan. – 18 Jan. Nicolas Laprovittola (Flamengo) [18]
20 Jan. – 25 Jan. Nicolas Laprovittola (Flamengo) [19]
27 Jan. – 1 Fev. Alex Garcia (Brasília) [20]
3 Fev. – 8 Fev. Ricardo Fischer (Bauru) [21]
10 Fev. – 18 Fev. Valtinho (Uberlândia) [22]
25 Fev. – 27 Fev. Guilherme Giovannoni (Brasília) [23]
6 Mar. – 10 Mar. Paulão (Franca) [24]
13 Mar. – 17 Mar. Larry Taylor (Bauru) [25]
20 Mar. – 25 Mar. David Jackson (Limeira) [26]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. [Goiânia teve seu projeto aprovado e disputa próximo NBB]
  2. Obrigado, professor. LNB.com.br. Acessado em 1 de Junho de 2013.
  3. O fim de uma era. LNB.com.br. Acessado em 1 de Junho de 2013.
  4. [1] LNB.com.br. Acessado em 18 de Junho de 2013.
  5. [2] LNB.com.br. Acessado em 20 de Janeiro de 2014.
  6. [3] Estadão. Acessado em 20 de Janeiro de 2014.
  7. [4] Jornal Correio de Uberlândia. Acessado em 20 de Janeiro de 2014.
  8. [5] LNB Notícias. Acessado em 21 de Janeiro de 2014.
  9. [6] Basqueteria. Acessado em 20 de Janeiro de 2014.
  10. [7] Jornal Correio de Uberlândia. Acessado em 02 de Abril de 2014.
  11. O Dono da Bola NBB6 – Semana 1. LNB.com (Novembro 21, 2013). Página visitada em Novembro 21, 2013.
  12. O Dono da Bola NBB6 – Semana 2. LNB.com (Novembro 26, 2013). Página visitada em Novembro 26, 2013.
  13. O Dono da Bola NBB6 – Semana 3. LNB.com (Dezembro 4, 2013). Página visitada em Dezembro 4, 2013.
  14. O Dono da Bola NBB6 – Semana 4. LNB.com (Dezembro 10, 2013). Página visitada em Dezembro 10, 2013.
  15. O Dono da Bola NBB6 – Semana 5. LNB.com (Dezembro 18, 2013). Página visitada em Dezembro 18, 2013.
  16. O Dono da Bola NBB6 – Semana 6. LNB.com (Janeiro 7, 2014). Página visitada em Janeiro 7, 2014.
  17. O Dono da Bola NBB6 – Semana 7. LNB.com (Janeiro 14, 2014). Página visitada em Janeiro 14, 2014.
  18. O Dono da Bola NBB6 – Semana 8. LNB.com (Janeiro 21, 2014). Página visitada em Janeiro 21, 2014.
  19. O Dono da Bola NBB6 – Semana 9. LNB.com (Janeiro 28, 2014). Página visitada em Janeiro 28, 2014.
  20. O Dono da Bola NBB6 – Semana 10. LNB.com (Fevereiro 4, 2014). Página visitada em Fevereiro 19, 2014.
  21. O Dono da Bola NBB6 – Semana 11. LNB.com (Fevereiro 12, 2014). Página visitada em Fevereiro 19, 2014.
  22. O Dono da Bola NBB6 – Semana 12. LNB.com (Fevereiro 26, 2014). Página visitada em Fevereiro 27, 2014.
  23. O Dono da Bola NBB6 – Semana 13. LNB.com (Março 7, 2014). Página visitada em Março 13, 2014.
  24. O Dono da Bola NBB6 – Semana 14. LNB.com (Março 12, 2014). Página visitada em Março 13, 2014.
  25. O Dono da Bola NBB6 – Semana 15. LNB.com (Março 20, 2014). Página visitada em Abril 02, 2014.
  26. O Dono da Bola NBB6 – Semana 16. LNB.com (Março 28, 2014). Página visitada em Abril 02, 2014.

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Novo Basquete Brasil de 2012-13
Novo Basquete Brasil
2013-14
Sucedido por
Novo Basquete Brasil de 2014-15