NDCC Garcia D'Avila (G-29)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NDCC Garcia D'Avila (G-29) chegando ao Brasil abril 2008.
Fonte:Centro de Comunicação Social da Marinha

O NDCC Garcia D'Avila (G-29) é um navio de desembarque de carros de combate (NDCC) da Marinha do Brasil. 1 2

Foi incorporado à Royal Navy com o nome de RFA Sir Galahad (1987) em 25 de novembro de 1987 e desincorporado em 31 de agosto de 2006.

Foi adquirido pela Marinha do Brasil e recebido em 4 de dezembro de 2007, em Portsmouth, Reino Unido. A incorporação à Armada ocorreu no dia 29 de maio de 2008, em cerimônia realizada no Complexo Naval de Mocanguê, na cidade de Niterói, Rio de Janeiro. 3

Origem do nome[editar | editar código-fonte]

O Capitão-de-Fragata Garcia D'Ávila Pires de Carvalho e Albuquerque que dá nome ao navio, foi o comandante do Cruzador Bahia (C-12), que faleceu heroicamente no naufrágio do navio, em 4 de julho de 1945.

Características[editar | editar código-fonte]

  • Deslocamento de 8.751 toneladas - plena carga;
  • Dimensões (metros)
Comprimento - 140,5
Boca - 19,5
Calado - 4,5;
  • Velocidade (nós)
Cruzeiro - 14
Máxima - 17;
  • Raio de ação – 13.000 milhas a 14 nós;
  • Tripulação: 150 homens;
  • Capacidade de transporte tropa: 460 militares;
  • Capacidade de carga - 1.000 ton;
  • Propulsão: dois motores diesel.

Notas

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a Marinha do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.