Nagato (navio)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nagato
Carreira   Bandeira da marinha que serviu
Data de encomenda 28 de Agosto de 1917
Lançamento 9 de Novembro de 1919
Comissionamento 25 de Novembro de 1920
Fatalidade Usado como navio-alvo para testes de armas nucleares
Características gerais
Deslocamento 42 850 toneladas
Comprimento 221,03 metros
Boca 34,59 metros
Calado 9,50 metros
Propulsão 4 hélices, 80 000Hp
Velocidade 27 nós (50 km/h)
Autonomia 5 500 milhas náuticas a 16 nós (10 200 quilômetros a 30 km/h)
Blindagem 355 mm na frente das torretas
• 305mm no centro,
• 76mm à 127 mm no convés
Armamento 8 canhões de 410mm,
• 18 canhões de 140mm,
• 8 canhões de 127mm,
• 95 armas anti-aéreas de 25mm.
Aeronaves 3
Tripulação 1 368 marinheiros e oficiais

Nagato - (japonês: 長門, nome de uma província do Japão) - foi um encouraçado construído no Japão Imperial no começo do século XX, e era armado de quatro torres, cada qual com dois canhões de 16 polegadas. Esse era seu armamento primário.

O Nagato e o seu gémeo Mutsu foram os primeiros couraçados japoneses armados com canhões de 406 mm, com quase 40 000 metros de alcance. Um mastro muito alto, necessário para a instalação dos postos de orientação de tiro, elevava-se sobre a grande estrutura da coberta. Em 1934-1936, as unidades foram submetidas a grandes trabalhos de modernização: receberam novos motores e as duas chaminés foram substituídas por uma de maiores dimensões.

O Nagato serviu como nau capitânia durante o ataque japonês a Pearl Harbor, e lutou em diversas outras batalhas, notadamente no Golfo de Leyte. Sua nave irmã, o Mutsu, foi destruído numa explosão interna em 1943.

Imobilizado devido a falta de combustível, foi estacionado em Kure, sendo atacado e muito danificado em julho de 1945. Não obstante, foi o único encouraçado japonês a permanecer flutuando quando da rendição de seu país.

Foi rebocado para testes atômicos,[1] [2] sendo afundado em 1946 em Bikini servindo de alvo para a Operação Crossroads.[3] O navio ainda existe, apesar de tudo, no fundo do citado atol, foi localizado e explorado na década de 1990.

Imagens[editar | editar código-fonte]

Fotos e informações sobre o encouraçado Nagato:

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Nagato (navio)
Ícone de esboço Este artigo sobre tópicos navais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.