Nariz

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikitext.svg
Este artigo ou seção precisa ser wikificado (desde outubro de 2013).
Por favor ajude a formatar este artigo de acordo com as diretrizes estabelecidas no livro de estilo.
Nariz
Os elefantes possuem nariz móvel

Nariz é a parte externa do sistema respiratório dos humanos e de alguns animais, é o órgão do olfato e a principal via de passagem do fluxo de ar para dentro e para fora dos pulmões. [1] O nariz também adiciona ressonância à voz humana.[1]

O nariz é constituído pelas fossas nasais e pela pirâmide nasal. A pirâmide nasal é a estrutura visível que forma proeminência na face. É constituída essencialmente por lâminas cartilagíneas. Sua parte superior é formada por osso e a parte inferior, por cartilagem.[1] As fossas nasais compreendem o espaço situado entre a faringe e as narinas; são divididas em duas partes pelo septo nasal, que se estende das narinas até a parte posterior da garganta.[1] Os ossos que compõem o nariz são: o frontal, os nasais e os maxilares.

Ossos chamados cornetos nasais projetam-se para o interior da cavidade nasal, formando uma série de pregas que aumentam a superfície através da qual passa o ar. [1] Os cornetos são em número de 3 em cada lado (corneto superior, médio e inferior) e têm a função de transformar o fluxo aéreo tubilhionar, fazendo com que o ar se choque várias vezes com os cornetos, que são preenchidos com sangue, aquecendo desta forma o ar a ser inspirado

Uma membrana mucosa com muitos vasos sangüíneos reveste a cavidade nasal e, com sua superfície aumentada e os diversos vasos sangüíneos ali existentes permitem ao nariz aquecer e umedecer rapidamente o ar que entra[1] .

Dentro do nariz existem pequenos fios, semelhante a cílios, que são cobertos por um líquido pegajoso, o muco.[1] As partículas de poeira e microrganismos do ar grudam nesse muco e com o movimento dos cílios são varridos para fora do corpo ou para a garganta, e se forem engolidos serão digeridos pelas enzimas produzidas ao longo do tubo digestivo. Esta ação ajuda a limpar o ar antes dele atingir os pulmões.[1] O espirro limpa automaticamente as vias nasais em resposta à irritação, da mesma maneira que a tosse limpa os pulmões.[1]

Existem pequenas células receptoras do olfato localizadas na parte superior da cavidade nasal com nervos olfatórios que se estendem diretamente até o interior do cérebro.[1]


Referências


Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Nariz
Ícone de esboço Este artigo sobre Anatomia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.