Nautile

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Nautile é um pequeno submersível tripulado[1] , do Instituto Francês de Investigação para a Exploração do Mar "Ifremer". Pode chegar a uma profundidade 6000 metros. Desde o seu lançamento em 1984, já realizou cerca de 1.700 mergulhos[2] .

O Nautile em 2003
O tamanho do Nautile (8 metros de comprimento) comparado ao de uma pessoa

Em 1987, foi usado para explorar o navio naufragado Titanic a 4000 metros de profundidade. Também foi enviado para o local do naufrágio do petroleiro Prestige[3] [4] . Recentemente, em 2009, o Nautile, foi responsável pela procura de restos mortais do acidente aéreo do voo Air France 447, entre o Rio de Janeiro e Paris[5] .

Em Portugal foi responsável pela descoberta do Campo Hidrotermal Saldanha, que se encontra a cerca de 3000 metros de profundidade.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Tiago Coelho. Mini-Submarino Nautile - Operações de busca no Atlântico (em português). Jornal de Notícias. Página visitada em 2013-01-28.
  2. Octavio Ortega (2011). Submarino Nautile está de nuevo listo para explorar los océanos (em espanhol). Kerchak. Página visitada em 2013-01-27.
  3. Lusa (2002). Submarino "Nautile" vai tentar tapar fissuras do "Prestige" (em português). Jornal Público. Página visitada em 2013-01-27.
  4. AFP (2003). Condições meteorológicas permitem novo mergulho de submarino "Nautile" (em português). Jornal Público. Página visitada em 2013-01-27.
  5. Daniela Fernandes (2009). Submarino que encontrou Titanic será usado em busca de caixa-preta (em português). BBC Brasil. Página visitada em 2013-01-27.