Nazaré da Mata

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Nazaré da Mata
"Terra do Maracatu"
Bandeira de Nazaré da Mata
Brasão de Nazaré da Mata
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 17 de maio
Fundação 17 de maio de 1833 (181 anos)
Gentílico nazareno
Prefeito(a) Egrinaldo Floriano Coutinho (Nado) (PTB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Nazaré da Mata
Localização de Nazaré da Mata em Pernambuco
Nazaré da Mata está localizado em: Brasil
Nazaré da Mata
Localização de Nazaré da Mata no Brasil
07° 44' 31" S 35° 13' 40" O07° 44' 31" S 35° 13' 40" O
Unidade federativa  Pernambuco
Mesorregião Mata Pernambucana IBGE/2008[1]
Microrregião Mata Setentrional Pernambucana IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Aliança, Condado, Itaquitinga (N), Tracunhaém (S e L),Vicência, Buenos Aires e Carpina (O)
Distância até a capital 65 km
Características geográficas
Área 150,816 km² [2]
População 31 951 hab. estatísticas IBGE/2014[3]
Densidade 211,85 hab./km²
Altitude 89 m
Clima Tropical As'
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,662 médio PNUD/2010 [4]
PIB R$ 253 572 mil IBGE/2011[5]
PIB per capita R$ 8 202 25 IBGE/2011[5]
Página oficial

Nazaré da Mata é um município brasileiro da zona da mata do estado de Pernambuco, que se estende por uma área de 141,3 km², com uma altitude média de 89 metros acima do nível do mar. Sua população é de 30.647 habitantes, sendo 24.704 residentes na zona urbana e 5.943 na zona rural.

História[editar | editar código-fonte]

O território onde atualmente está localizado o município de Nazaré da Mata era chamado de Lagoa d'Antas, uma sesmaria doada a Manuel Bezerra Cunha, em 18 de junho de 1581.

O povoamento de "Nasareth" teve início no século XVIII, numa propriedade onde foi edificada a capela de Nossa Senhora da Conceição. Em homenagem à santa, a localidade passou a chamar-se de Nossa Senhora da Conceição de Nazaré.

Em 1833, desmembrando-se do município de Igarassu, tornou-se vila, quando passou a ser sede da freguesia.

Foi elevada à categoria de cidade pela lei de número 258, de 11 de junho de 1850. O primeiro prefeito foi o padre Anísio Torres Bandeira, que tomou posse em 1892, quando os municípios passaram a ter maior autonomia administrativa com a proclamação da República.

Pelo decreto-lei número 952, de 31 de dezembro de 1943, o nome da cidade foi modificado, acrescendo-se o termo "da Mata", por se encontrar nessa zona fisiográfica.

Administrativamente, Nazaré da Mata é constituída unicamente pelo distrito sede. No município, encontra-se a arquidiocese de Nazaré da Mata e o palácio episcopal, abrangendo diversas cidades da região da mata norte.

Anualmente, no dia 17 de maio o município comemora a sua emancipação política. Nazaré da Mata é conhecida como a Terra do Maracatu e seus encantos com os caboclos de lança, além dos mestres com suas loas.

Cultura[editar | editar código-fonte]

Nazaré da Mata é conhecida como a Capital Estadual dos Maracatus. Não é apenas uma dança, uma brincadeira das camadas menos favorecidas, mas uma tradição passada de pai para filho em que os passos, as cores perpassam uma aculturação milenar da história da região.

Durante o Carnaval, é a vez do povo de Nazaré da Mata mostrar o que tem de melhor: o colorido, a animação, o brilho e toda a beleza de seus maracatus como o Piaba Dourado, Estrela de Ouro e, o mais antigo de Pernambuco, o Cambinda Brasileira. O tão esperado Encontro de Maracatus acontece na segunda-feira e terça-feira de Carnaval, na praça principal. São mais de 50 grupos de brincantes com seus reis, rainhas, baianas e caboclos de lança que dançam e cantam em homenagem aos orixás.

Além dos maracatus, o Carnaval de Nazaré também apresenta outros folguedos como bois de carnaval, blocos de ciranda e troças carnavalescas. Outra grande atração do Carnaval de Nazaré e o Clube Carnavalesco Jacaré em Folia criado em 1956 que atrai milhares de foliões pelas ruas da cidade com trios elétricos, carros alegóricos e fantasias.

Em Nazaré da Mata situa-se a Faculdade de Formação de Professores de Nazaré da Mata, um dos campi da Universidade de Pernambuco que tem sede em Recife, o qual recebeu o nome de Campus Mata Norte. Como também, a GRE Mata Norte (Gerência Regional de Educação da Mata Norte) fazendo parte da educação do município.

Nesta cidade também se encontra a sede do segundo batalhão da Policia Militar do Estado de Pernambuco.

Foi criado o Espaço Cultural Mauro Mota, onde se mostram as fantasias do maracatu ao público, e também criado o Parque dos Lanceiros, local onde ocorrem várias manifestações culturais.

Administração Municipal[editar | editar código-fonte]

  • Prefeito
Egrinaldo Floriano Coutinho (PTB)
  • Vice Prefeito
José Maurício Andrade (PTB)


Personalidades[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. IBGE (10 out. 2002). Área territorial oficial Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 dez. 2010.
  3. Estimativa Populacional 2014 Estimativa Populacional 2014. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (agosto de 2014). Página visitada em 29 de agosto de 2014.
  4. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2010). Página visitada em 09 de setembro de 2013.
  5. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2011 Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 18 dez. 2013.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Pernambuco é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.