Nefropatia diabética

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto (desde outubro de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Nefropatia diabética, também conhecida como síndrome de Kimmelstiel-Wilson e glomerulonefrite intercapilar, é uma doença renal progressiva causada por angiopatia dos capilares nos glomérulos renais. Ela é caracterizada por síndrome nefrótica e glomeruloesclerose difusa.

Ocorre devido a diabetes mellitus de longo prazo, e é a principal causa de diálise em muitos países ocidentais.

Em pacientes com Diabetes mellitus tipo 1, sua progressão pode ser lentificada pelo uso de inibidores da enzima de conversão da angiotensina. Este efeito é presente em pacientes diabéticos que tenham hipertensão arterial e/ou proteinúria maciça associada (> 300 mg/24h).[1]

Referências

  1. Bakris G L. (2009). "Is blockade of the renin-angiotensin system appropriate for all patients with diabetes?". Journal of the American Society of Hypertension 3 (5): 288-290. DOI:10.1016/j.jash.2009.07.001.