Nereida

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Este artigo ou se(c)ção cita uma ou mais fontes fiáveis e independentes, mas ela(s) não cobre(m) todo o texto.
Por favor, melhore este artigo providenciando mais fontes fiáveis e independentes e inserindo-as em notas de rodapé ou no corpo do texto, conforme o livro de estilo.
Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Gaston Bussiere — The Nereides.jpg
Bussière, 1902
Ninfas

Na mitologia grega, as Nereidas ou Nereides (em grego antigo, Νηρείδες ou Νηρηίδες ; no singular, Νηρείς, translit. Nêrêís, ‘filha de Nereu’, de νέειν , translit. néein, "nadar") eram as cinquenta filhas (ou cem, segundo outros relatos) de Nereu e de Dóris. Nereu compartilhava com elas as águas do Mar Egeu.[1]

Nereu, um deus marinho mais antigo que Neptuno, era filho de Pontos, era descrito como um velho pacato, justo, benévolo e sábio que representava a calma e serenidade do mar. Já Dóris era filha de Oceano e de Tétis, sendo uma das três mil Oceânides. As Nereidas eram veneradas como ninfas do mar, gentis e generosas, sempre prontas a ajudar os marinheiros em perigo. Por sua beleza, as Nereidas também costumavam dominar os corações dos homens.

São representadas com longos cabelos, entrelaçados com pérolas. Caminham sobre golfinhos ou cavalos-marinhos. Trazem à mão ora um tridente, ora uma coroa, ora um galho de coral. Algumas vezes representam-nas metade mulheres, metade peixes.

O único relato onde elas prejudicam os mortais consta do mito de Andrômeda. Segundo o mito, elas exigiram o sacrifício de Andrômeda como punição pelo fato de Cassiopeia, mãe da jovem, ter alegado ser mais bela que as Nereidas.

Nomes das Nereidas[editar | editar código-fonte]

Hesíodo, na sua Teogonia, reporta 51 nomes, enquanto Homero, na Ilíada, cita 33 Nereides que, com sua irmã Tétis, se compadecem da dor de Aquiles pela morte de Pátroclo. Segundo ambos, entretanto, elas eram cinquenta. O Pseudo-Apolodoro, autor da Bibliotheca, fornece 45 nomes, enquanto Higino (século II), autor das Fabulae, faz uma lista de 49 nomes (de fato 48, considerando que há um nome repetido).

A lista a seguir reúne informações de quatro fontes: Apolodoro, Hesíodo, Homero e Higino. Por isso o número de nomes é maior que cinquenta .[2] [3] [4]

  1. Actaea
  2. Agave, a nobre
  3. Amatia
  4. Anfinome
  5. Anfitoe
  6. Anfitrite, nutrida de mar
  7. Apseudes
  8. Aretusa
  9. Ásia
  10. Autonoe
  11. Beroe
  12. Calianassa
  13. Calianira
  14. Calipso
  15. Ceto, deusa e mãe dos monstros marinhos
  16. Clio
  17. Climene
  18. Cranto
  19. Creneis
  20. Cídipe
  21. Cimo
  22. Cimatolege
  23. Cimódoce, a amiga das ondas
  24. Cimótoe, ligeira como a onda
  25. Deiopea
  26. Dero
  27. Dexamene
  28. Dinamene, impetuosa, associada à força e poder das ondas do grande oceano
  29. Dione
  30. Dóris
  31. Doto, a doadora
  32. Drimo
  33. Dinamene
  34. Eione
  35. Efyra
  36. Erato, a que desperta o desejo (Erato é também uma das Musas)
  37. Eucrante, a que traz a realização
  38. Eudora, a dos bons presentes
  39. Eulimene, a do bom porto
  40. Eumolpe
  41. Eunice, a da vitória feliz
  42. Eupompe
  43. Eurídice
  44. Evagore
  45. Evarne
  46. Ferusa, a de curso veloz
  47. Filodoce
  48. Galena, tempo calmo
  49. Galateia
  50. Glauce, verde-mar
  51. Glauconome
  52. Hália, de olhos bovinos, a que mora no mar,
  53. Halimede
  54. Hiponoe
  55. Hipotoe
  56. Iaera
  57. Ianassa
  58. Ianira
  59. Ione
  60. Laomedia
  61. Leiagore
  62. Leucótea
  63. Ligea
  64. Limnoria
  65. Licórias
  66. Lysianassa
  67. Maera
  68. Mélita
  69. Menippe
  70. Nausithoe
  71. Nemertes
  72. Neomeris
  73. Nesaea
  74. Neso
  75. Opis
  76. Orithyia
  77. Panope
  78. Panopeia
  79. Pasítea
  80. Plexaure
  81. Ploto, a nadadora
  82. Pontomedusa
  83. Pontoporia
  84. Poulunoe
  85. Pronoe
  86. Proto, a primeira
  87. Protomedia
  88. Psâmate
  89. Sao, a salvadora
  90. Espeio, a que mora em cavernas
  91. Tália
  92. Temisto
  93. Tétis
  94. Toe, a que se move depressa
  95. Tusa

No folclore grego moderno, o termo "nereida" (νεράϊδα, neráïda) se aplica não só às ninfas do mar mas a todas elas.

Referências

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • HESÍODO. Teogonía (em espanhol). UNAM, 1986.
  • Thomas Bulfinch, Livro de Ouro da Mitologia: Histórias de Deuses e Heróis
  • Pierre Grimal, Dicionário da mitologia grega e romana
  • Marguerite Yourcenar, O homem que amou as Nereidas, em Contos Orientais
Ícone de esboço Este artigo sobre mitologia grega é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.