Nilesat 101

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nilesat 101
Localização orbital 7° W
Lançamento 28 de abril de 1998 (16 anos)
Veículo Ariane-44P H10-3
Operador EgitoNilesat
Vida útil 12 anos
Design Astrium
Cobertura África
Oriente Médio
Europa
Órbita geoestacionária
Peso 1.827 kg
Designação COSPAR 1998-024A

O Nilesat 101 é um satélite de comunicação geoestacionário egípcio que construído pela Thales Alenia Space, ele está localizado na posição orbital de 7 graus de longitude oeste e é operado pela Nilesat. O satélite foi baseado na plataforma Eurostar-2000 e sua vida útil estimada era de 12 anos. O mesmo foi desativado e enviado para a órbita cemitério em fevereiro de 2013.[1]

História[editar | editar código-fonte]

Com o lançamento do Nilesat 101 em abril de 1998, o Egito se tornou o primeiro país africano a ter seu próprio satélite de transmissão direta de TV. O Nilesat 101 forneceu mais de 100 canais de TV digital, bem como serviços de rádio e multimídia para mais de cinco milhões de casas mais de toda a África do Norte a partir de Marrocos até o Golfo Pérsico. Um segundo satélite, O Nilesat 102, foi lançado em 2000, e o sistema Nilesat passou a transmite mais de 150 canais de TV digital e fornece serviços adicionais, tais como transmissão de dados, internet e outros serviços.

Nos termos do contrato de entrega em óbito do satélite a Astrium forneceu os dois satélites de transmissão direta (com base no Eurostar-2000, versão da série Eurostar da empresa) e os dois centros de controle (localizados no Cairo e Alexandria), juntamente com formação de operador para capacitar os engenheiros egípcios para o controle do satélite uma vez em órbita.

Lançamento[editar | editar código-fonte]

O satélite foi lançado no dia 04 de agosto de 2010, por meio de um veiculo Ariane-44P H10-3 lançado a partir do Centro Espacial de Kourou, na Guiana Francesa, juntamente com o BSAT 1B. Ele tinha uma massa de lançamento de 1.827 kg.[2]

Capacidade e cobertura[editar | editar código-fonte]

O Nilesat 101 era equipado com 18 transponders em banda Ku, cobrindo Oriente Médio, norte e centro da África e sul da Europa.[3]

Veja também[editar | editar código-fonte]

Referências