Nioaque

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Nioaque
"Cidade das vogais"
Bandeira de Nioaque
Brasão desconhecido
Bandeira Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 8 de Abril
Fundação 22 de maio de 1848 (166 anos)
Emancipação 14 de novembro de 1890 (123 anos)
Gentílico nioaquense
Padroeiro(a) Santa Rita de Cássia
Prefeito(a) Gerson Garcia Serpa (PSB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Nioaque
Localização de Nioaque no Mato Grosso do Sul
Nioaque está localizado em: Brasil
Nioaque
Localização de Nioaque no Brasil
21° 08' 06" S 55° 49' 48" O21° 08' 06" S 55° 49' 48" O
Unidade federativa  Mato Grosso do Sul
Mesorregião Sudoeste de Mato Grosso do Sul IBGE/2008 [1]
Microrregião Bodoquena IBGE/2008 [1]
Municípios limítrofes Guia Lopes da Laguna, Sidrolândia, Anástacio e Aquidauana
Distância até a capital federal: 1 205 km
estadual: 180
km[2]
Características geográficas
Área 3 923,798 km² (MS: 30º)[3]
Área urbana 1,796 km² (MS: 49º) – est. Embrapa[4]
Distritos Nioaque (distrito-único)
População 14 338 hab. (MS: 41º) –  est. IBGE 2011[5]
Densidade 3,654 hab/km²
Altitude 200 m [6]
Clima tropical Aw
Fuso horário UTC−4
Indicadores
IDH-M 0,715 (MS: 59º) – alto PNUD/2000 [7]
Gini 0,440 (MS: 43º) – est. IBGE 2003[8]
PIB R$ 152 978,094 mil (MS: 43º) – IBGE/2008[9]
PIB per capita R$ 9 775,58 IBGE/2008[9]
Página oficial

Nioaque é um município brasileiro da região Centro-Oeste, situado no estado de Mato Grosso do Sul.

História[editar | editar código-fonte]

Topônimo[editar | editar código-fonte]

Seu topônimo deriva da palavra tupi-guarani "Anhuac" que traduzida para o Português significa "Clavícula quebrada". Anhuac, era a designação do rio, hoje Nioaque, que banha a cidade. Sua grafia antiga era "Nioac".

Geografia[editar | editar código-fonte]

Localização[editar | editar código-fonte]

O município de está situado no sul da região Centro-Oeste do Brasil, no Sudoeste de Mato Grosso do Sul (Microrregião de Bodoquena). Localiza-se a uma latitude 21º08'07" sul e a uma longitude 55º49'48" oeste. Distâncias:

Geografia física[editar | editar código-fonte]

Solo

Na porção oeste do município de Nioaque, predomina a ocorrência de Alissolo de textura arenosa média, com baixa fertilidade natural, já na porção central e a Leste, há ocorrência de Latossolos Vermelho-Escuro de textura média e argilosa, além de Neossolos há ocorrência de Argissolos.

Relevo e altitude

Está a uma altitude de 200 m. A topografia mais abrupta do município encontra-se ao leste, com uma larga faixa de cuesta de norte a sul além de algumas escarpas e ressaltos topográficos. Os modelados de dissecação de topos colinosos estão disseminados em vários locais, onde por sua natureza apresentam uma diversidade mais acentuada, contrastando com os dissecados tabulares e as áreas e acumulação fluvial.

A geomorfologia do município de Nioaque divide-se em duas Regiões:

  • Região dos Planaltos da Borda Ocidental da Bacia do Paraná, com a unidade geomorfológica Planalto de Dourados
  • Região da Depressão do Alto Paraguai, com as unidades: Piemontes da Serra de Maracaju e Depressão de Aquidauana-Bela Vista. Apresenta relevo plano, geralmente elaborado por várias fases de retomada erosiva, com relevos elaborados pela ação fluvial e áreas planas resultante de acumulação fluvial sujeita a inundações periódicas
Clima, temperatura e pluviosidade

Está sob influência do clima tropical (AW). Na região sudoeste do município, o clima é úmido, apresentando índice efetivo de umidade com valores anuais de 40 a 60%. A precipitação pluviométrica anual varia de 1.750 a 2.000mm, e os excedentes hídricos de 1.200 a 1.400mm durante 7 a 8 meses e deficiência hídrica de 200 a 450 mm, durante três meses. Para o restante da área do município, o clima regional com sua variação mesoclimática, é o úmido a sub-úmido, apresentando índice efetivo de umidade com valores anuais variando de 20 a 40%. Sendo que a precipitação pluviométrica anual varia entre 1.500 a 1.750mm, excedente hídrico anual de 800 a 1.200mm, durante 05 a 6 meses e deficiência hídrica de 350 a 500mm, durante 4 meses. A temperatura média anual do município nas 252 proximidades de sua sede é em torno de 25°C, no extremo sudoeste é de 23°C e na sua área total central é de 24°C. A evapotranspiração potencial total anual varia de 100 a 1.300mm.

Hidrografia

Está sob influência da Bacia do Rio da Prata. Rios do município:

  • Rio Canindé: afluente pela margem esquerda do rio Nioaque, no município de Nioaque.
  • Rio Miranda: afluente pela margem esquerda do rio Paraguai. Possui 700 km de extensão, sendo 200 km navegáveis. Faz divisa entre os municípios de Bonito e Nioaque. Passa nas proximidades da cidade de Miranda. Deságua no rio Paraguai na altura do distrito de Albuquerque.
  • Rio Nioaque: afluente pela margem direita do rio Miranda, no município de Nioaque. Nasce na serra de Maracaju, passa pela cidade de Nioaque, fazendo divisa entre este município e o de Anastácio.
  • Rio São Miguel: afluente pela margem esquerda do rio Nioaque, no município de Nioaque.
Vegetação

Predominando e distribuídas quase que eqüitativamente encontra-se a pastagem plantada e a vegetação natural representada pelo Cerrado e pelo seu contato com a Floresta Estacional.

Geografia política[editar | editar código-fonte]

Fuso horário

Está a -1 hora com relação a Brasília e -4 com relação a Meridiano de Greenwich (Tempo Universal Coordenado)

Área

Ocupa uma superfície de 3 923,798 km².

Subdivisões

Nioaque (distrito-único).

Arredores

Guia Lopes da Laguna, Sidrolândia, Anástacio e Aquidauana.

Infraestrutura[editar | editar código-fonte]

Transporte intermunicipal[editar | editar código-fonte]

O transporte é realizado pela empresa Cruzeiro do Sul.

Rede bancária[editar | editar código-fonte]

  • Existe uma agência do Banco do Brasil
  • A agência dos Correios conta com um terminal de atendimento do Banco do Brasil.
  • A casa lotérica da cidade opera com terminal de atendimento da Caixa Econômica Federal.
  • Existe um posto de atendimento do Banco Bradesco.

Saúde[editar | editar código-fonte]

O 9° GAC dispõe de uma Seção de Saúde que presta atendimento médico à família militar, estando equipada com gabinete odontológico e um laboratório de análises, onde são realizados alguns tipos de exames.

Na cidade existe um pequeno hospital APAMIN (Associação de Proteção Assistência a Maternidade e Infância de Nioaque), que está aparelhado para atender a execução de pequenas cirurgias, além de contar com aparelhos de raio X e ultra-sonografia. Porém, para atendimento com especialistas, Campo Grande supre as necessidades cabe ressaltar, também, que o HGeCG está localizado na Capital.

Ensino[editar | editar código-fonte]

Existe na cidade ensino de nível superior que é proporcionado pela UNIDERP Interativa nos cursos de Ciências Contábeis, Letras e Administração de Empresas.

Existem, também, estabelecimentos públicos de ensino fundamental e médio. Não existe colégio particular que oferece ensino médio ou profissionalizante.

Forças armadas[editar | editar código-fonte]

Comando do Exército
Organização Sigla
9º Grupo de Artilharia de Campanha 9º G A C

Curiosidade[editar | editar código-fonte]

Nioaque ganhou o curioso apelido de cidade das vogais, pois em seu nome consta todas as vogais do alfabeto (Nioaque).

Referências

  1. a b Divisão Territorial do Brasil. Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2008). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  2. Mapas e rotas. Guia 4 Rodas. Página visitada em 3 de novembro de 2011.
  3. IBGE (10 de outubro de 2002). Área territorial oficial. Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Página visitada em 5 de dezembro de 2010.
  4. Urbanização das cidades brasileiras. Embrapa Monitoramento por Satélite. Página visitada em 30 de Julho de 2008.
  5. Estimativa Populacional 2011. Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) (1 de julho de 2011). Página visitada em 13 de setembro de 2011.
  6. Mato Grosso do Sul. Embrapa. Página visitada em 19 de julho de 2011.
  7. Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil. Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) (2000). Página visitada em 11 de outubro de 2008.
  8. Indice GINI. Cidade Sat. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (2000). Página visitada em 6 de agosto de 2011.
  9. a b Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Página visitada em 11 de dezembro de 2010.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Commons Imagens e media no Commons
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Mato Grosso do Sul é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.