Norberto Ramírez

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde janeiro de 2012). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Norberto Ramírez
Nascimento
León, Nicarágua
Morte 11 de Julho de 1856
León, Nicarágua
Ocupação Político e Presidente da República de El Salvador e da Nicarágua

Norberto Ramírez foi um político da Nicarágua que governou a República de El Salvador como senador de 20 de setembro de 1840 a 7 de janeiro de 1841.

Nasceu em León, Nicarágua, ao fim do século XVIII e morreu na mesma cidade, em 11 de julho de 1856.

Estala uma sublevação dos quartéis de São Salvador contra o governo do coronel Antonio José Cañas; sublevação fomentada pelo comandante general do Exército, Francísco Malespín, porque o coronel Cañas não servia para ser seu instrumento na administração do país.

Cañas foi deposto e Norberto Ramirez é imposto como Chefe de Estado, por José Damian Villacorta não ter aceito o cargo.

Em dezembro de 1840, estourou uma revolução em Santiago Nonualco, ancabeçada por Petronio Castro, a qual foi reprimida pelo governo. Apesar de Ramirez ter governado poucos meses, soube equilibrar seu curto período no governo, diante da difícil situação política desse tempo.

Entrega seu cargo em 7 de janeiro de 1840 a Juan Lindo.

Os filhos de Ramirez, Carlos Meléndez e Jorge Meléndez, também governaram El Salvador.

Além disso, Ramirez ainda governou a Nicarágua.

Precedido por
Antonio José Cañas
Presidente de El Salvador
1840 - 1841
Sucedido por
Juan Lindo
Precedido por
Benito Rosales
Presidente da Nicarágua
1849 - 1851
Sucedido por
Justo Abaúnza y Muñoz de Avilés
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.