Nossa Filha Gabriela

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo não cita fontes confiáveis e independentes. (desde agosto de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Nossa filha Gabriela foi uma telenovela brasileira produzida e exibida pela extinta Rede Tupi às 18h30, de 1 de setembro de 1971 a 4 de março de 1972, substituíndo O Meu Pé de Laranja Lima e sendo substituída por Signo da Esperança. Foi escrita por Ivani Ribeiro e dirigida por Carlos Zara.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O teatro mambembe de Giuliano chega à uma pacata cidade e muda o comportamento de todos os habitantes, a estrela do teatro Gabriela, por quem ele está apaixonado, de volta à terra natal de sua mãe, conhece três simpáticos velhinhos: Candinho, Romeu e Napoleão, que disputam entre si a atenção da bela moça.

O que Grabriela não sabe é que no passado os velhinhos haviam se casado com trigêmeas e uma delas era a sua mãe, e um destes três velhinos é seu pai. Quem será seu verdadeiro pai? Cada velhinho passa então a lutar pela paternidade de Gabriela, e esté mistério permanecerá até o final da trama.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Trilha sonora[editar | editar código-fonte]

  1. "Sei lá" - Coro
  2. "Amor em Solidão" - Toquinho
  3. "Ele e Ela" - Toquinho & Laís
  4. "Modinha Número 1" - José Briamonte
  5. "O Céu é o Meu Chão" - Vinícius de Moraes
  6. "A Casa" - Vinícius de Moraes & Toquinho
  7. "A Casa" - Vinícius de Moraes
  8. "Valsa para uma Menininha" - Vinícius de Moraes
  9. "Rosa Desfolhada" - José Briamonte
  10. "O Pato Pateta" - Vinícius de Moraes
  11. "Modinha Número 1" - Toquinho
  12. "O Céu é o Meu Chão" - José Briamonte

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • O primeiro título pensado para a novela foi A Fazenda.
Ícone de esboço Este artigo sobre telenovelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.