O Lago dos Cisnes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Adelaide Giuri como Odette e Mikhail Mordkin como Príncipe Siegfried em montagem de 1901 no Teatro Bolshoi, Moscou

O Lago dos Cisnes (em russo: Лебединое Озеро, Lebedinoye Ozero) é um balé dramático em quatro atos do compositor russo Tchaikovsky e com o libreto de Vladimir Begitchev e Vasily Geltzer. A sua estreia ocorreu no Teatro Bolshoi em Moscovo no dia 20 de fevereiro de 1877, sendo um fracasso não por causa da música, mas sim pela má interpretação da orquestra e dos bailarinos, assim como a coreografia e a cenografia. O balé foi encomendado pelo Teatro Bolshoi em 1876 e o compositor começou logo a escrevê-lo.

Personagens[editar | editar código-fonte]

  • Príncipe Siegfried
  • Odette
  • A Rainha
  • Mago Rothbart(caracterizado por grandes asas)
  • Feiticeira Odile
  • Donzelas
  • Convidados
Anna Sobeshchanskaya como Odette na primeira montagem (1877).

Primeiras montagens[editar | editar código-fonte]

Première Mundial

Apresentação à Corte Imperial

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Pavel Gerdt com Principe Siegfried, (Teatro Mariinsky, 1895).
Pierina Legnani como Odette, (Teatro Mariinsky, 1895).

Ato I[editar | editar código-fonte]

No castelo realiza-se com toda a pompa o aniversário do príncipe Siegfried. A rainha-mãe oferece ao filho como presente um Baile e pede-lhe que, no dia seguinte, escolha uma esposa entre as convidadas da festa. Quando os convidados saem do castelo, um grupo de cisnes brancos passa perto do local. Enfeitiçado pela beleza das aves, o príncipe decide caçá-las.

Ato II[editar | editar código-fonte]

O lago do bosque e as suas margens pertencem ao reino do mago Rothbart, que domina a princesa Odette e todo o seu séquito sob a forma de uma ave de rapina. Rothbart transformou Odette e as suas donzelas em cisnes, e só à noite lhes permite recuperarem a aparência humana. A princesa só poderá ser liberta por um homem que a ame. Siegfried, louco de paixão pela princesa das cisnes, jura que será ele a quebrar o feitiço do mago.

Ato III[editar | editar código-fonte]

Na corte da Rainha aparece um nobre cavalheiro e sua filha. O príncipe julga reconhecer a filha do cavalheiro a sua amada Odette, mas, na realidade, os dois personagens são o mago Rothbart e sua filha, Odile. A dança com o cisne negro decide a sorte do príncipe e da sua amada Odette: enfeitiçado por Odile, Siegfried proclama que escolheu Odile como sua bela futura esposa, quebrando assim o juramento feito a Odette

Ato IV[editar | editar código-fonte]

Os cisnes brancos tentam em vão consolar a sua princesa. Odette, destroçada pela decisão do príncipe, sente-se traída e diante daquele lago de lágrimas de seus parentes Odette se mata, ao mesmo tempo o príncipe retorna ao lago e ao ver aquela cena ele se mata junto a sua amada pois não conseguia conviver junto aquela culpa.

Principe Siegfried e Odette, selo russo de 1993.

Gravações recomendadas[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

Faz parte da trama central do filme "Cisne Negro", com Natalie Portman e Vincent Cassel[1] .

Representado em Barbie em O Lago dos Cisnes e em Barbie e as Sapatilhas Mágicas, numa adaptação feita para a animação em 2003 e 2013, respectivamente.

Referências

  1. IMDB. Visitado em 27/02/2011.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre O Lago dos Cisnes