O Lobo do Mar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

O Lobo do Mar é uma obra de Jack London, publicada originalmente em 1904 e já traduzida em várias línguas.

No Brasil, uma das traduções que mais se destacaram foi feita por Monteiro Lobato, que também traduziu outra obra de Jack London, o romance Caninos Brancos.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Poucos dias antes de completar dezessete anos, após mais uma bebedeira, Jack London caiu na água e só não morreu porque foi resgatado por um pescador. Logo após esse episódio, embarcou no Sophia Sutherland, barco destinado à caça de focas no Pacífico. Essas experiências estão retratadas no livro O lobo do mar. Lançado um ano depois do livro The Call of the Wild - ambos publicados com estrondoso sucesso -, este romance mostra o embate entre Humphrey van Weyden, um homem das letras, e Lobo Larsen, o implacável capitão da escuna "Ghost", e a luta que ambos travam para sobreviver às tempestades e outros riscos mortais em alto-mar. Nos vívidos diálogos entre Lobo Larsen e Van Weyden, Jack London revive seus próprios questionamentos e produz uma soberba alegoria sobre a humanidade, o instinto de sobrevivência e o heroísmo. [1]

Ícone de esboço Este artigo sobre um livro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. http://www.lpm-editores.com.br/site/default.asp?Template=../livros/layout_produto.asp&CategoriaID=636453&ID=173838