Firestarter (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de O Poder do Fogo)
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo.
Firestarter
O Poder do Fogo (PT)
Chamas da Vingança (BR)
1984 • cor • 114 minutos min 
Direção Mark L. Lester
Produção Frank Capra Jr.
Martha De Laurentiis
Roteiro Stanley Mann
Elenco David Keith
Drew Barrymore
George C. Scott
Género Terror
País  Estados Unidos
Idioma inglês
Orçamento $15,000,000 (estimado)

Firestarter (Chamas da Vingança no Brasil e O Poder do Fogo em Portugal) é um filme americano de Mark L. Lester, de 1984 baseado no livro Firestarter (A Incendiária) de Stephen King.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Andy McGee (David Keith) e Victoria "Vicky" Tomlinson (Heather Locklear), são submetidos a uma experiência, comandada pelo Dr. Joseph Wanless (Freddie Jones), cujo objectivo é a injecção do "Lote 6" (uma droga que estimula a glândula pituitária), que permite à cobaia de adquirir poderes telequinéticos.

O que Andy e Vicky não esperavam, era ter uma menina, Charlie (Drew Barrymore), dotada de uma grande beleza, mas também de um terrível poder: a pirokinesia.

Este poder permite-lhe incendiar qualquer coisa e qualquer pessoa com a sua mente.

Oito anos mais tarde, Vicky é assassinada por agentes de uma agência secreta do Governo, "A Loja", comandada pelo ambicioso Capitão Hollister (Martin Sheen). Após ter cegado dois agentes d' A Loja com os seus poderes, que tentaram raptar a Charlie, o Andy e esta última fogem. É então que aparece John Rainbird, um homem impiedoso e sádico, cujo único desejo é de ter a Charlie só para ele, e de a matar com as suas próprias mãos.

Perseguidos pela maioria dos agentes d'A Loja, Andy e Charlie refugiam-se na quinta dos Manders. Mas, rapidamente, os agentes encontram-nos, e Charlie mata a maioria. Expulsos pelos Manders, Andy e Charlie refugiam-se na cabana do pai do Andy. Após ter morto o Dr Wanless durante o sono, Rainbird encontra-os e rapta-os depois de os ter baleado com tranquilizantes.

Acordando no interior d'A Loja, Andy e Charlie são separados durante meses. São submetidos a turtuosos testes, contra a sua vontade e proibidos de se verem. Rainbird conspira com o Capitão Hollister para conhecer a Charlie pessoalmente. Faz-se passar por um auxiliar que faz a limpeza no seu quarto para a convencer de que é seu amigo. Convencida, a Charlie vai então passar os testes, que aumentam progressivamente de grau de dificuldade.

Mais tarde, o Andy consegue controlar a mente do Capitão Hollister, e obriga este a levá-lo até à Charlie. Marca encontro no celeiro nessa mesma noite, ignorando que o Rainbird se encontra lá à espera deles. Andy e Charlie encontram-se finalmente, e é aí que a Charlie descobre a verdadeira identidade de Rainbird. Este mata o Capitão Hollister, e depois o Andy. Revoltada e sob o último pedido do seu pai, ela coloca os agentes d'A Loja à prova: Decide queimar a propriedade inteira, bem como todos os seus agentes.

No fim, ela reencontra os Manders na sua quinta. Irv Manders acompanha-a até ao jornal "The New York Times", para ela poder contar a sua história.

Personagens[editar | editar código-fonte]

À Volta do Filme[editar | editar código-fonte]

  • O livro Creepshows : the illustrated Stephen King movie guide , escrito por Stephen Jones, indica que David Keith era a 14ª escolha.
  • Ao início, o filme devia ser realizado por John Carpenter, mas após o resultado comercial do filme The Thing, os produtores da Universal retiraram-lhe o projecto.

Recompensas[editar | editar código-fonte]

Referências