O ovo ou a galinha

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de O ovo e a galinha)
Ir para: navegação, pesquisa
Ilustração da obra Tacuinum Sanitatis

O ovo ou a galinha é uma referência a um dilema de causalidade que surge da expressão O que veio antes, o ovo ou a galinha?. Considerando que a galinha nasceu do ovo e o ovo foi colocado pela galinha, seria difícil determinar o responsável pela criação original. Para antigos filósofos provocou um debate sobre como começou a vida e o universo.[1]

Segundo a crença criacionista, existia um único casal de macho e fêmea, criada por Deus no início dos tempos, que se copularam para formar dois ou mais ovos, dos quais nasceram outros novos casais de macho e fêmea e assim sucessivamente.[carece de fontes?]

De acordo com a teoria da evolução, a resposta do paradoxo é que um ovo veio primeiro, embora seja necessário que ele fosse fecundado pelo macho. Deve-se considerar que o ancestral da galinha (que ainda não é uma galinha propriamente dita, mas descendente do dinossauro) foi modificando através de sucessivas mutações e reproduções até resultar na moderna galinha. Se fizer a mesma pergunta a esse ancestral, chegaremos ao ser mais primitivo que deu origem a toda a vida.[2]

Segundo o livro "O Desaparecimento do Universo" de Gary R. Renard, os dois foram criados simultaneamente, junto com todo o resto do universo. Dentro da ilusão, eles parecem ser separados, ainda que não sejam.[carece de fontes?]

Referências

  1. Theosophy. (setembro 1939). "Ancient Landmarks: Plato and Aristotle". Theosophy 27.
  2. Helen Miles Davis, poema escrito em c.1922-23, citado por Effie Kapsalis em 23 de abril de 2011, Smithsonian Institution Archives, Once and For All, the Chicken or the Egg? [em linha]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]