Omar Souto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde Dezembro de 2008).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Omar Souto (Itaberaí, 1947) é um pintor brasileiro.

Artista Plástico autodidata, é conhecido nacionalmente e internacionalmente pela autenticidade e espontaneidade de suas pinturas ao figurarem o cotidiano popular e diverso da vida goiana. A partir de 1971 realizou, em várias cidades brasileiras, importantes mostras coletivas e individuais de suas obras. Um dos grandes marcos em sua carreira, é a realização de um grande projeto no qual o artista elaborou e executou 14 obras de arte ao longo de mais de 19 Km na Go-060 ligando a cidade de Goiânia a Trindade na então conhecida “Via Sacra”, Rodovia dos Romeiros. Nas obras, é retratado o a paixão, morte e ressurreição de Cristo. Em parceria com o Governo do Estado de Goiás, frequentemente as obras são restauradas para apreciação de milhares de romeiros que muita das vezes como forma de pagar promessa ao Divino Pai Eterno, seguem a pé todo o trajeto. Um fato curioso é que o artista abre mão do seu cachê na restauração destas obras pois acredita que este trabalho vai além da mão de obra, o mesmo afirma que foi escolhido para esta missão cobrando apenas a mão de obra do pessoal de sua equipe e os gastos essenciais. A alguns anos atrás protagonizou um escândalo sexual que teve grande repercussão na mídia, quando foi acusado e preso por estupro e atentado violento ao pudor, por ter abusado de mais de 15 meninas da periferia de Goiânia em troca de comida ou R$1, porém foi absolvido por falta de provas. Durante este tempo, nunca deixou de trabalhar e de produzir suas obras.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Erro de citação: </ref> de fecho em falta, para o elemento <ref>