Onda plana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Searchtool.svg
Esta página ou secção foi marcada para revisão, devido a inconsistências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor verifique e melhore a consistência e o rigor deste artigo. Pode encontrar ajuda no WikiProjeto Física.

Se existir um WikiProjeto mais adequado, por favor corrija esta predefinição. Este artigo está para revisão desde março de 2011.

Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Uma onda plana é uma onda de frequência constante, cujas frentes de onda (superfícies de fase constante, por exemplo, os máximos de amplitude) são planos infinitos, paralelos entre si, e com amplitude constante e paralela ao vector de velocidade de fase. Nos casos mais simples, esta é a mesma da direcção de propagação. [1]

Uma onda eletromagnética pode ser considerada plana quando vinda de muito longe(infinito, por exemplo), tendo assim seus vetores Poyting paralelos no detector. Ondas eletromagéticas nessas condições sempre podem ser consideradas planas e de intensidade constante. Veja que toda onda eletromagnética não é plana, e sim é proximada por uma onda eletromagnética plana; um modo de se criar uma onda eletromagnética plana seria criar um plano infinito vibrante com densidade de carga elétrica constante em qualquer lugar desse plano; o que é impossível.

Ícone de esboço Este artigo sobre física é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. Saleh, Fundamentals of Photonics